Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
27º
MIN 19º MÁX 32º

Ataque russo a Lutsk? "Objetivo de matar e exercer pressão psicológica"

As palavras são do conselheiro presidencial ucraniano, Mykhailo Podolyak, sobre os ataques com mísseis russos que afetaram o país esta terça-feira.

Ataque russo a Lutsk? "Objetivo de matar e exercer pressão psicológica"
Notícias ao Minuto

12:31 - 15/08/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Mykhailo Podolyak

O conselheiro presidencial ucraniano, Mykhailo Podolyak, descreveu os ataques com mísseis russos "contra civis" em Lutsk, Volyn, região do oeste da Ucrânia, como tendo "apenas o objetivo de matar e exercer pressão psicológica".

"Ataques deliberados em grande escala contra civis. Exclusivamente com o objetivo de matar e exercer pressão psicológica. Esta é uma manifestação inegável da atividade terrorista da Federação Russa, legalmente documentada por numerosas destruições e vítimas", afirmou Podolyak, na rede social X (antigo Twitter).

O conselheiro presidencial ucraniano salientou ainda que "o ponto essencial [é que] só o mal que é punido é que não volta". "Precisamos de sistemas de defesa aérea/míssil e de 'céus fechados', não de conversas sobre 'apaziguamento/negociações com um assassino em série russo'.

Segundo a Força Aérea Ucraniana, a Rússia disparou um total de 28 mísseis de cruzeiro contra o país. Dezasseis deles foram intercetados, referiu, em comunicado citado pelo The Guardian

Recorde-se que, pelo menos três pessoas morreram esta madrugada na cidade de Lutsk, em Volyn, região do oeste da Ucrânia, num novo ataque com mísseis russos que afetou outras cidades do país.

Também região de ocidental de Lviv foi alvo de ataque com mísseis russos. De acordo com o autarca de Lviv, Maksym Kozytskyi, citado pelo The Guardian, 15 pessoas ficaram feridas e mais de quarenta edifícios e casas ficaram danificados na região.

Leia Também: Nova vaga de bombardeamentos russos causa três mortos em Lutsk

Recomendados para si

;
Campo obrigatório