Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
23º
MIN 19º MÁX 31º

Futuro do grupo Wagner começa a "ganhar forma"

Um "acordo provisório para o futuro do grupo começou a ganhar forma", revela o Reino Unido.

Futuro do grupo Wagner começa a "ganhar forma"
Notícias ao Minuto

07:54 - 16/07/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Ucrânia/Rússia

O futuro do grupo paramilitar Wagner não está claro desde que Yevgeny Prigozhin lançou um motim contra o exército russo no  passado mês.

Depois do acordo secreto feito entre o líder mercenário e o presidente russo Vladimir Putin seguiu-se a dúvida sobre o paradeiro de Prigozhin, mas este período de "confusão e negociações" pode estar a chegar ao fim, de acordo com o ministério da Defesa do Reino Unido, que disse que um "acordo provisório para o futuro do grupo começou a ganhar forma".

O Grupo Wagner entregou mais de 2.000 peças de equipamento militar, incluindo tanques, ao ministério da Defesa russo, na quarta-feira, antes que um "pequeno contingente" dos seus combatentes chegasse a um acampamento bielorrusso ontem, avançou o mesmo meio. 

"Com base em anúncios recentes de autoridades russas, o estado provavelmente está-se a preparar para aceitar as aspirações de Wagner de manter a sua ampla presença no continente", referiu ainda o ministério da Defesa do Reino Unido.

Recorde-se que o Grupo Wagner, uma empresa russa de segurança privada de propriedade de Yevgeny Prigozhin, foi contratado pelo Kremlin para a guerra na Ucrânia, embora as suas operações também se estendam a outros países como Síria, Líbia, Mali ou República Centro-Africana.

Leia Também: Azerbaijão acusa Rússia de não cumprir obrigações sobre Nagorno-Karabakh

Recomendados para si

;
Campo obrigatório