Meteorologia

  • 13 JUNHO 2024
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 25º

Primeiro-ministro da Roménia demite-se para permitir rotação na coligação

O primeiro-ministro da Roménia, o liberal Nicolae Ciuca, apresentou hoje a demissão, dando início ao processo de rotação da liderança do Governo com os parceiros de coligação do Partido Social-Democrata (PSD).

Primeiro-ministro da Roménia demite-se para permitir rotação na coligação
Notícias ao Minuto

13:50 - 12/06/23 por Lusa

Mundo Roménia

Segundo o acordo entre o partido liberal PNL e o PSD, o próximo primeiro-ministro será o social-democrata Marcel Ciolacu, até agora presidente da câmara baixa do Parlamento.

O PSD é o parceiro maioritário da coligação de Governo, formada em novembro de 2021 com o PNL e com o UDMR, formação política que representa a minoria húngara da Roménia.

O acordo de coligação previa que o processo de rotação começasse pela entrega da liderança do Governo ao PNL, por 18 meses, seguido de um período de 18 meses com o PSD na liderança do executivo, até as eleições gerais, marcadas para o final de 2024.

Depois de ser indicado pelo Presidente da Roménia, Klaus Iohannis, como candidato a primeiro-ministro, Ciolacu terá 10 dias para pedir o voto de confiança do Parlamento para o seu programa de Governo.

Os três partidos da coligação - que, juntos, somam uma maioria de dois terços no Parlamento e no Senado - têm negociado nas últimas semanas a composição do Governo sob a liderança do PSD.

A rotação na coligação estava marcada para 25 de maio, mas uma greve de grande dimensão dos professores, a maior dos últimos 18 anos, forçou o adiamento da transferência de poderes.

Ciuca renunciou hoje, poucos minutos antes de os dois sindicatos maioritários no sistema educativo terem suspendido as greves, quando o Governo lhes concedeu os aumentos salariais exigidos.

Leia Também: Suspeita de matar filha de 12 anos na Roménia detida em Espanha

Recomendados para si

;
Campo obrigatório