Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
24º
MIN 16º MÁX 24º

Rebeldes separatistas dos Camarões terão raptado dezenas de mulheres

Rebeldes pró-independência raptaram no sábado dezenas de mulheres que se manifestavam contra os abusos no oeste dos Camarões, cenário de conflito entre separatistas da minoria anglófona e forças governamentais há mais de seis anos, anunciaram hoje as autoridades.

Rebeldes separatistas dos Camarões terão raptado dezenas de mulheres
Notícias ao Minuto

19:40 - 23/05/23 por Lusa

Mundo Camarões

As "cerca de 30 mulheres" foram "severamente torturadas e raptadas por terroristas armados" na aldeia de Kedjom Keku, na região noroeste, onde os grupos separatistas armados raptam frequentemente civis, principalmente para obterem um resgate, declarou em comunicado a prefeitura do departamento de Mezam.

As autoridades continuam a utilizar a palavra "terroristas" para descrever os rebeldes armados que exigem a independência das regiões noroeste e sudoeste, habitadas maioritariamente pela minoria anglófona do país centro-africano de língua predominantemente francesa.

"Cerca de 30 mulheres foram raptadas por separatistas" no sábado de manhã, afirmou, citado pela agência France-Presse, um coronel do exército na madrugada de hoje, que pediu anonimato, acrescentando que as vítimas ainda não tinham sido encontradas.

O serviço de comunicação do Ministério da Administração do Território confirmou à agência noticiosa que as autoridades não tinham "qualquer notícia das reféns".

Na véspera, as mulheres "idosas" organizaram uma "marcha pacífica de protesto (...) contra os abusos e as atividades criminosas dos terroristas", declarou a prefeitura de Mezam.

Leia Também: Força regional mata 65 terroristas na zona do Lago Chade

Recomendados para si

;
Campo obrigatório