Meteorologia

  • 23 ABRIL 2024
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 24º

Académico italiano alega que massa carbonara é uma invenção americana

Alberto Grandi diz ainda que o único sítio atualmente no mundo onde se consegue queijo parmesão genuíno é no estado norte-americano do Wisconsin.

Académico italiano alega que massa carbonara é uma invenção americana
Notícias ao Minuto

20:56 - 27/03/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Comida

A polémica no mundo da gastronomia está montada, depois de o académico italiano Alberto Grandi ter afirmado que a famosa receita da massa carbonara é, afinal, originária dos Estados Unidos.

Alberto Grandi, professor de história da alimentação na Universidade de Parma, defendeu a sua tese em entrevista ao Financial Times, onde disse também que o único lugar no mundo para encontrar queijo parmesão genuíno, hoje em dia, é no estado norte-americano do Wisconsin.

Grandi alegou ainda que o tiramisu e o panetone são invenções relativamente recentes, e que a maioria dos italianos nem sequer tinha ouvido falar de pizza antes da década de 1950.

Com a comida não se brinca e muito menos em Itália. Em resposta às polémicas declarações, a Coldiretti, a maior associação de agricultores do país, disse que a entrevista de Grandi foi "um ataque surreal" contra a comida simbolicamente italiana "precisamente por ocasião da sua candidatura a património imaterial" da Unesco, anunciada recentemente.

“Com base em reconstruções imaginativas, contestam-se as tradições culinárias nacionais mais enraizadas. Resumidamente, [ele afirma] que os americanos inventaram a carbonara, e o panetone e o tiramisu são produtos comerciais recentes. Acima de tudo, [a entrevista] chega a levantar hipóteses sobre o parmesão e aquele produzido em Wisconsin, nos Estados Unidos – a pátria dos queijos falsos ‘made in Italy’", disse a associação, citada pelo jornal The Guardian.

O próprio Matteo Salvini, vice-primeiro-ministro italiano, não conteve o seu desagrado com as palavras do académico, acusando, nas redes sociais, especialistas e jornais de ter "inveja" dos "gostos e beleza” de Itália.

Na entrevista ao Financial Times, Grandi baseia-se em trabalhos académicos, citado o historiador gastronómico Luca Cesari ao dizer que a Carbonara é "um prato americano nascido em Itália".

Já no que toca ao queijo Parmesão, a ideia de que aquele produzido no Wisconsin é o mais "genuíno" deve-se, alega, ao facto de imigrantes italianos produtores deste queijo terem começado a produzi-lo na região no início do século XX, mantendo-se fiéis à receita original, que data do século XII.

“Não entendo porque é que muitos me atacam”, disse Grandi, em resposta às críticas. “Não questiono a qualidade da comida ou dos produtos italianos, reconstruo a história destes pratos de forma histórica e filologicamente correta", argumentou, citado pelo jornal italiano La Repubblica.

Leia Também: A família vai adorar esta versão alternativa de carbonara

Recomendados para si

;
Campo obrigatório