Meteorologia

  • 20 MAIO 2024
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 21º

Ucrânia. NATO pede à Suíça que suspenda proibição de reexportar armas

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, e "muitos aliados" pediram hoje à ministra da Defesa suíça, Viola Amherd, que o país reconsidere a proibição da reexportação de armas e munições de fabrico nacional para a Ucrânia.

Ucrânia. NATO pede à Suíça que suspenda proibição de reexportar armas
Notícias ao Minuto

21:15 - 22/03/23 por Lusa

Mundo Ucrânia

Na reunião com Viola Amherd, o secretário-geral da aliança de países da Europa e da América do Norte, instou o governo suíço a reconsiderar a sua posição sobre aquela proibição que impede os aliados de fornecer mais apoio a Kiev, defendeu a NATo em comunicado divulgado.

Jens Stoltenberg argumentou que "aliados e parceiros estão a ajudar a Ucrânia a defender o seu direito à autodefesa, consagrado na Carta das Nações Unidas".

Uma exigência que, segundo a NATO, a ministra suíça também ouviu de "muitos aliados" da organização, "enquanto o país continua a resistir à guerra de agressão da Rússia".

Os aliados, segundo o comunicado, também expressaram gratidão pela estreita associação da Suíça com a NATO, incluindo as contribuições substanciais para a estabilidade nos Balcãs Ocidentais.

Jens Stoltenberg enfatizou que a neutralidade da Suíça não constitui um obstáculo para trabalhar com a NATO e saudou o compromisso do país em aprofundar ainda mais a cooperação com a NATO.

Leia Também: NATO diz que sete países atingiram meta de 2% da despesa na Defesa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório