Meteorologia

  • 24 MARçO 2023
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 21º

"Caso (amoroso) foi a melhor coisa que aconteceu ao nosso casamento"

Casal norte-americano diz que fez terapia e ultrapassou as mágoas do caso amoroso.

"Caso (amoroso) foi a melhor coisa que aconteceu ao nosso casamento"
Notícias ao Minuto

15:49 - 17/03/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Reino Unido

Charity Craig é uma mulher norte-americana que diz que o caso amoroso do marido foi "a melhor coisa que aconteceu no seu casamento". Agora, dedica-se a ajudar outros casais a sarar as suas feridas após passar por situações semelhantes.

O casal parece saído de um conto de fadas, fora a infidelidade. Conheceram-se quando Charity tinha 18 anos de idade e o marido, Matt, tinha 13 anos. Casaram-se, respetivamente, aos 25 e 21 anos de idade, em 2004.

A tormenta atingiu o matrimónio, no entanto, quando Matt tinha 40 anos e Charity descobriu que o marido estava a ter um caso amoroso com uma colega de trabalho, em 2012.

"Foi devastador e destrói o teu mundo inteiro, fui lançada para águas negras e fiquei desnorteada. Não se pode atirar uma granada em casa e sair-se ileso, mas tornou-se uma questão muito pessoal e eu fui e fiz terapia e Matt fez o trabalho. Agora, estamos mais felizes do que nunca", garantiu a mulher, que encontrou várias mensagens de outra mulher no telemóvel do marido, confrontando-o.

No momento em que confessou o caso, Matt disse, citado pelo jornal britânico Wales Online: "Trabalhava mais de 60 horas por semana numa posição de alto stress. Passava mais tempo no trabalho do que com a minha família. Estava a lutar entre a minha família e os meus sonhos de seguir uma carreira musical. Não queria perder a minha família e não queria magoar a outra mulher."

O casal separou-se durante um ano e pretendiam divorciar-se, mas acabaram por se juntar novamente, acabando por reatar o casamento. 

"Fiz todos os possíveis para reconquistar a confiança dela. Punha o meu telefone na mesa, sem rodeios. Tem sido incrível. Ajudou a nossa família. Tenho uma compreensão total das suas emoções e posso ser aberto com ela. Tem de ser paciente e não pode ficar com raiva ou impaciente quando ela quer falar sobre o assunto de novo ou desmorona emocionalmente. Pedi-lhe para voltar no Dia dos Namorados em 2013", esclareceu Matt.

Leia Também: Pede a restaurante que verifique câmaras para ver se namorada foi infiel

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório