Meteorologia

  • 04 MARçO 2024
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 17º

Israel anuncia medidas contra "famílias dos terroristas" após ataques

Israel anunciou no sábado à noite medidas contra "famílias dos terroristas", após dois ataques em Jerusalém Oriental, um dos quais que causou sete mortos.

Israel anuncia medidas contra "famílias dos terroristas" após ataques
Notícias ao Minuto

06:05 - 29/01/23 por Lusa

Mundo Israel

O primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, prometera uma resposta "forte" e "sólida" a estes ataques cometidos por dois palestinianos em Jerusalém Oriental, parte da Cidade Santa ocupada e anexada por Israel.

O gabinete de segurança israelita anunciou a revogação dos direitos de segurança social das "famílias de terroristas que apoiam o terrorismo". E que na segunda-feira, em conselho de ministros, seria discutido um projeto de lei para revogar a essas famílias os "bilhetes de identidade israelitas".

Netanyahu voltou ao poder em dezembro com o apoio de grupos judeus de extrema-direita e ultraortodoxos, sendo provável que estas medidas se apliquem principalmente aos árabes israelitas, palestinianos de nacionalidade israelita, e aos palestinianos com o estatuto de residentes de Jerusalém Oriental.

Na sexta-feira à noite, um palestiniano de 21 anos disparou contra transeuntes perto de uma sinagoga na zona de Neve Yaacov, matando sete pessoas antes de ser morto a tiro. No sábado de manhã, um palestiniano de 13 anos disparou e feriu dois israelitas em Silwan, perto das muralhas da Cidade Velha.

Nenhum dos ataques foi reivindicado.

Leia Também: ANP culpa Israel por violência e Netanyahu promete resposta "forte"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório