Meteorologia

  • 08 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 7º MÁX 12º

Hungria pedirá todos os fundos europeus de recuperação pós-pandemia

A Hungria anunciou hoje que pedirá todo o pacote do plano comunitário de recuperação pós-pandemia, mais 9.600 milhões de euros do que recebeu até agora, numa retificação feita quando regista a inflação mais alta da União Europeia.

Hungria pedirá todos os fundos europeus de recuperação pós-pandemia
Notícias ao Minuto

19:29 - 25/01/23 por Lusa

Mundo Covid-19

Este passo representa uma alteração radical no discurso do Governo do ultranacionalista Viktor Orbán, que até agora se opunha categoricamente a pedir a totalidade do crédito a que tem direito do bloco comunitário, indicou a imprensa independente local.

A Hungria alcançou em dezembro uma inflação de 24,5% e regista há meses os números mais elevados de toda a União Europeia (UE).

A agência de notação financeira Fitch baixou há cinco dias a classificação da Hungria de BBB estável para BBB negativo.

Agora, Orbán ordenou por decreto ao Ministério do Desenvolvimento Territorial que peça também a parte do crédito do programa que cabe à Hungria, cerca de mais 9.600 milhões de euros.

O Governo não forneceu qualquer justificação para esta medida, embora no decreto indique que futuramente decidirá sobre o montante exato a que recorrerá.

No total, a Comissão Europeia mantém congelada a entrega de 22.000 milhões de euros em fundos de coesão até que o executivo húngaro garanta que os programas para os utilizar respeitam a Carta Europeia de Direitos Fundamentais em matéria de independência do poder judicial, leis educativas, liberdade académica e direito de asilo.

Leia Também: 'Relógio do Apocalipse' avançou 10 segundos. Kremlin está "alarmado"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório