Meteorologia

  • 28 JANEIRO 2023
Tempo
MIN 4º MÁX 11º

Autor de atentados em Bali libertado de prisão na Indonésia

Um dos autores dos ataques na cidade indonésia de Bali em 2002, que mataram mais de 200 pessoas, saiu hoje da prisão em liberdade condicional, anunciou a porta-voz do Ministério da Justiça e Direitos Humanos, Rika Aprianti.

Autor de atentados em Bali libertado de prisão na Indonésia

Umar Patek era membro de um grupo afiliado à Al-Qaida que fez explodir bombas num bar e numa discoteca de Bali em 2002, matando 202 pessoas, incluindo 88 australianos.

"A partir de hoje, o estatuto de Patek foi modificado e agora está sob a responsabilidade da prisão de Surabaya", disse Rika Aprianti à agência de notícias AFP.

Umar Patek foi identificado como o responsável pelas bombas utilizadas nos ataques.

A decisão das autoridades indonésias provavelmente provocará uma reação da Austrália, que entre os 21 países envolvidos foi o que mais perdeu cidadãos nesses ataques.

O primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, disse em agosto que a libertação de Umar Patek só aumentaria a angústia e o trauma das famílias afetadas.

O ataque a dois estabelecimentos turísticos foi atribuído à organização islâmica indonésia Jemaah Islamiyah (JI), ligada à Al-Qaida. Outro dispositivo explosivo também foi detonado em frente ao consulado norte-americano em Bali, mas não causou vítimas.

A Indonésia, o mais populoso país muçulmano do mundo, luta contra movimentos extremistas que realizaram vários atentados desde os ataques em Bali.

Os principais autores de ataques foram executados, mortos pela polícia ou presos.

Leia Também: EUA preocupados com punição de sexo fora do casamento na Indonésia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório