Meteorologia

  • 07 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 6º MÁX 13º

Bulgária nega uso de armas de fogo contra migrantes na fronteira turca

O ministério do Interior búlgaro negou hoje que forças de fronteira tenham aberto fogo sobre migrantes, na fronteira com a Turquia, depois de vários meios de comunicação europeus divulgarem um vídeo mostrando um migrante atingido por uma bala.

Bulgária nega uso de armas de fogo contra migrantes na fronteira turca

O vídeo, divulgado em meios como a Sky News ou ARD, mostra um migrante atingido por uma bala aparentemente disparada do lado búlgaro da fronteira com a Turquia, segundo a Europa Press.

Vizinhos da região também denunciaram o retorno imediato de migrantes que conseguiram cruzar a fronteira, impedidos de exercer o direito de pedir asilo, tendo um grupo confrontado a policia após ter sido solto do lado turco, tendo atirado pedras e proferido insultos, segundo Europa Press.

No vídeo, os migrantes são vistos correndo por campos abertos, tendo alguns deles atirado pedras aos polícias búlgaros e um deles caído no chão após ser atingido por uma bala, na zona da omoplata, sendo carregado por outro indivíduo.

O homem ferido é Abdullah el Rustum, de 19 anos, que terá dado entrevistas, segundo a Europa Press, afirmando que nunca pensou que disparariam num país que se autodenomina europeu.

Leia Também: Parlamento da Bulgária aprova acordo de compra de caças F-16 aos EUA

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório