Meteorologia

  • 02 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 5º MÁX 13º

Primeiro carregamento de fertilizantes russos partiu para Moçambique

Um primeiro carregamento de fertilizantes russos saiu hoje dos Países Baixos com destino para África no âmbito do acordo promovido pela ONU para facilitar as exportações destes produtos, dificultadas desde a invasão da Ucrânia, em 24 de fevereiro passado.

Primeiro carregamento de fertilizantes russos partiu para Moçambique
Notícias ao Minuto

16:06 - 29/11/22 por Lusa

Mundo Rússia

Conforme anunciado pelas Nações Unidas, este primeiro carregamento de 20 mil toneladas de fertilizantes é transportado por um navio fretado pelo Programa Alimentar Mundial (PAM) que se dirige para Moçambique e terá como destino final o Maláui.

O carregamento, que deveria ter saído na semana passada, é o primeiro de uma série de fornecimentos de fertilizantes russos a países africanos que estavam bloqueados em portos europeus e que foram doados por uma empresa russa.

No total, a doação é de 260 mil toneladas e, segundo o secretário-geral da ONU, António Guterres, vai ajudar a "aliviar as necessidades humanitárias e evitar uma perda catastrófica de colheitas em África, em plena época de sementeira".

A iniciativa faz parte do acordo que a Ucrânia e a Rússia selaram em julho passado, com o apoio da Turquia e da ONU, e que também permitiu a retomada das exportações de cereais ucranianos pelo mar Negro.

Embora as sanções dos países ocidentais contra a Rússia não afetem alimentos e fertilizantes, segundo Moscovo, as suas exportações deste tipo de produtos foi praticamente paralisada devido a restrições de empresas de logística ou dificuldades em garantir os carregamentos.

A ONU alerta há meses para o perigo representado pelo forte aumento dos preços dos fertilizantes desde 2019, com um aumento de 250%, tornando-os inacessíveis para muitos agricultores de países em desenvolvimento.

Consequentemente, a ONU receia que as colheitas sejam prejudicadas e provoque uma grave crise alimentar, principalmente em África.

Leia Também: Garantida segunda remessa de fertilizantes russos para África Ocidental

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório