Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 17º

Menor de 14 anos detido por agredir sexualmente colega em Espanha

Está acusado de dois crimes de agressão sexual.

Menor de 14 anos detido por agredir sexualmente colega em Espanha
Notícias ao Minuto

11:30 - 04/10/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Espanha

O Corpo Nacional de Polícia de Espanha, através da Unidade de Atendimento à Família da Mulher, detiveram um menor, de 14 anos, suspeito de agredir sexualmente, por duas vezes, uma colega de turma no município de Palma, na ilha de Maiorca. 

Segundo o jornal local Ultima Hora, os factos ocorreram após as aulas, em duas ocasiões diferentes, e o caso foi levado ao Corpo Nacional de Polícia pelo diretor de estudos de um conhecido estabelecimento de ensino em Palma, já depois de ativar um protocolo estabelecido para estes casos. 

Uma patrulha deslocou-se à escola e, após falar com a vítima e os professores, o caso foi transferido para um grupo de investigação especializado. 

As autoridades apuraram que o adolescente já era conhecido da polícia, tendo, há algum tempo, sido acusado de agredir sexualmente outra rapariga. Contudo, na altura, não pôde ser julgado pela Justiça, uma vez que tinha menos de 14 anos.

A mais recente vítima contou à polícia que o primeiro ataque ocorreu a 12 de setembro, quando o menor pediu para a acompanhar até casa, depois das aulas, não tendo a rapariga suspeitado das suas intenções. 

Quando chegaram à entrada do prédio, o adolescente segurou-a com força, segundo o seu relato, e começou a beijá-la, acariciá-la e a tocar na suas partes íntimas. A menor conseguiu fugir e refugiar-se em casa. A vítima diz que ficou em estado de choque, mas que devido ao medo decidiu ficar em silêncio sobre o ocorrido.

Contudo, dias depois, a 23 de setembro, quando a rapariga ia sozinha para casa, o menor apareceu novamente e voltou a atacá-la. 

A rapariga decidiu depois contar à irmã e aos professores o que havia acontecido. 

A escola afastou o suspeito daquela turma. 

Leia Também: UE chama diplomata russo para condenar anexações que nunca reconhecerá

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório