Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 8º MÁX 14º

"[A situação] é tensa": Chefe russo em Kherson admite avanço ucraniano

Vice-chefe do governo local indicado pela Rússia, Kirill Stremousov, disse que "está tudo sob controlo", mas avanço é notado pelo chefe da administração de ocupação de Kherson

"[A situação] é tensa": Chefe russo em Kherson admite avanço ucraniano
Notícias ao Minuto

10:45 - 03/10/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Guerra na Ucrânia

O vice-chefe do governo local indicado pela Rússia, Kirill Stremousov, disse, esta segunda-feira, que "está tudo sob controlo" na região de Kherson, apesar dos relatos de que a Ucrânia estava a avançar naquela área. 

"Tudo está sob controlo na direção de Mykolaiv, apesar das tentativas dos 'Ukronazis' de romper as defesas [russas]. Os nazis avançaram ao longo do Dnipro em direção a Dudchan e lá receberam presentes das Forças Aeroespaciais Russas", disse Stremousov reforçando que "no momento, a situação está completamente sob controlo".

No entanto, Vladimir Saldo, chefe da administração de ocupação de Kherson, admitiu que os ucranianos estão a ganhar terreno

"[A situação] é tensa, vamos colocar desta forma", assumiu.

Refira-se que, depois da vitória significativa em Lyman, as tropas ucranianas continuam a avançar gradualmente e já recuperaram duas pequenas povoações em Kherson. 

A informação foi revelada no discurso diário de domingo do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, que mencionou a 'libertação' de Arkhanhelske e Myrolyubivka para agradecer às forças militares do seu país. 

Os ucranianos continuam a ganhar terreno em duas frentes, nas zonas de Kharkiv e Lyman no leste do país e em Kherson no sul.

Leia Também: Duas novas povoações recuperadas em Kherson, revelou Zelensky

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório