Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2022
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 17º

Zelensky parabeniza Meloni e espera colaboração com novo governo italiano

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, congratulou, esta terça-feira, à noite a líder do Irmãos de Itália (FdI), Giorgia Meloni, pela sua vitória nas legislativas italianas no domingo, aguardando uma boa colaboração com o novo governo daquele país transalpino.

Zelensky parabeniza Meloni e espera colaboração com novo governo italiano

"Parabéns a Giorgia Meloni e ao seu partido por ter vencido as eleições. Agradecemos o apoio contínuo de Itália à Ucrânia contra a agressão russa. Contamos com uma colaboração frutífera com o novo governo italiano", publicou no Twitter Zelensky, em duas mensagens em ucraniano e italiano.

Após a vitória de domingo, Meloni está a trabalhar na criação de um Executivo ágil que atenda aos pedidos dos seus parceiros de coligação, Liga e Força Itália, e seja capaz de iniciar um diálogo com Bruxelas.

De acordo com os resultados finais hoje divulgados, o partido de extrema-direita Irmãos de Itália (FdI), de Giorgia Meloni, venceu as eleições de domingo com 26% dos votos, e a coligação que lidera, juntamente com a Liga, também de extrema-direita, de Matteo Salvini, e o Força Itália, de Silvio Berlusconi, obteve uma clara maioria no parlamento.

A Liga, Salvini, conquistou 8,8% dos votos (em vez dos 13% de 2018), e o Força Itália, do ex-primeiro-ministro Berlusconi, 8,1% (14% em 2018), segundo os números do Ministério do Interior, citados pela agência de notícias francesa AFP.

A coligação destes três partidos e de uma formação mais pequena com menos de 01% obteve 43,8% dos votos.

Estes resultados da coligação de direita e extrema-direita liderada por Meloni traduzem-se em 237 dos 400 lugares na Câmara dos Deputados, e em 115 dos 200 lugares no Senado.

O Partido Democrata (PD), de centro-esquerda, foi o segundo mais votado, com 19% dos votos nas eleições legislativas antecipadas.

Em conjunto com os seus aliados verdes e de esquerda, ocupará 84 lugares na Câmara dos Deputados e 44 no Senado.

O Movimento 5-Estrelas obteve 15,4% dos votos, o que lhe valeu 52 lugares na Câmara dos Deputados e 28 no Senado.

A aliança centrista Ação recolheu 7,8% dos votos e ocupará 21 lugares na Câmara dos Deputados e nove no Senado.

Os restantes lugares serão distribuídos por partidos mais pequenos.

Leia Também: Berlusconi volta ao parlamento 9 anos após expulsão. Esposa será deputada

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório