Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2022
Tempo
18º
MIN 8º MÁX 19º

Ucrânia quer condenar cidadãos que cooperaram com referendos a prisão

Autoridades ucranianas têm uma "lista de nomes de pessoas que estiveram envolvidas de algum modo" nos ditos referendos, cujas votações terminaram hoje, dia 27.

Ucrânia quer condenar cidadãos que cooperaram com referendos a prisão
Notícias ao Minuto

17:28 - 27/09/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Guerra na Ucrânia

O conselheiro presidencial ucraniano Mykhailo Podolyak afirmou, esta terça-feira, que a Ucrânia irá condenar os cidadãos que cooperaram com os referendos de anexação de regiões ucranianas à Rússia em até cinco anos de cadeia. 

Segundo Podolyak, as autoridades ucranianas têm uma "lista de nomes de pessoas que estiveram envolvidas de algum modo" nos ditos referendos, cujas votações terminaram hoje, dia 27.

O conselheiro presidencial ucraniano acrescentou ainda, em declarações ao jornal suíço Blick que os ucranianos que foram forçados a votar não serão castigados. 

Os meios de comunicação russos avançaram hoje que os resultados iniciais dos referendos - cuja legitimidade é rejeitada pela generalidade da comunidade internacional e pela própria Ucrânia - apontam para 87% a 92% de votos a favor da anexação. 

O presidente russo, Vladimir Putin, deverá discursar na sexta-feira no parlamento russo, sendo provável que seja aí que anunciará a anexação dos quatro territórios ocupados na Ucrânia. 

Leia Também: Resultados parciais de referendos dão 'sim' a adesão à Rússia, diz RIA

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório