Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2022
Tempo
16º
MIN 8º MÁX 17º

EUA. Homem mata jovem (e é condenado) após discussão por causa de cão

O agressor, de 38 anos, disparou dezenas de vezes.

EUA. Homem mata jovem (e é condenado) após discussão por causa de cão
Notícias ao Minuto

23:58 - 26/09/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Estados Unidos

Um homem foi condenado depois de ter matado uma jovem devido a uma discussão por causa do cão da vítima, na cidade de Denver, no estado norte-americano do Colorado.

"Estivemos à espera deste dia durante dois anos e meio", explicou Ana Thallas, a mãe da vítima mortal, depois do julgamento, que aconteceu na quinta-feira passada, de acordo com a publicação The Denver Post.

De acordo com um comunicado citado pelas publicações internacionais, o homem, de 38 anos, utilizou uma AK-47 para matar a jovem, de 21 anos, e ferir uma outra pessoa. Foi condenado pelas acusações de homicídio em primeiro grau, duas tentativas de homicídio em primeiro grau e duas tentativas de agressão.

De acordo com um comunicado emitido pelos responsáveis, "Isabella Thallas e Simon [a outra vítima] estavam a passear o cão quando a discussão sobre a forma como instruíam ao cão defecar começou". Da janela do seu quarto, Michael Close começou a gritar com o casal.

"Vão só gritar com o vosso cão ou vão treiná-lo?", terá questionado o agressor, de acordo com a publicação 9News. O casal não terá dado importância ao que Close estava a dizer e, após ser ignorado,  Close foi buscar a arma - que tinha alegadamente roubado a um amigo que era agente da polícia, de acordo com o Denver Post.

E segundo a polícia explicou, disparou dezenas de vezes, tendo matado a jovem, e deixado o namorado ferido. Depois disto, ligou à ex-namorada - que testemunhou no julgamento - a quem disse que "tinha matado duas pessoas". O homem pegou nessa e noutra arma e acabou por fugir de Denver, mas foi apanhado pela polícia.

Deverá voltar ao tribunal a 4 de novembro para saber qual é a sentença que lhe espera.

No tribunal, os seus advogados alegaram que este estava transtornado, por ter terminado a relação e ter perdido o emprego, tendo declarado ser culpado. 

Leia Também: Mulher contrabandeou centenas de migrantes para os EUA. Pagavam milhares

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório