Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 19º

Itália. Espanhol Vox saúda resultado que "marca caminho para nova Europa"

O partido da extrema-direita espanhola Vox saudou hoje os resultados das eleições legislativas italianas de domingo, considerando que "Itália marca o caminho para uma nova Europa".

Itália. Espanhol Vox saúda resultado que "marca caminho para nova Europa"
Notícias ao Minuto

16:22 - 26/09/22 por Lusa

Mundo Itália

"Itália marca o caminho para uma nova Europa de nações livres e soberanas", escreveu o líder do Vox, Santiago Abascal, na rede social Twitter.

A extrema-direita reivindicou a vitória nas eleições italianas e "milhões de europeus têm as suas esperanças postas em Itália", defendeu o líder do Vox, partido que, como outros da extrema-direita na Europa, tem um discurso anti-imigração, anti-União Europeia, securitário e xenófobo.

Para Abascal, a italiana Giorgia Meloni, líder do partido Irmãos da Itália (FdI, na sigla em italiano) e da coligação de extrema-direita e direita que venceu as eleições, "mostrou o caminho para uma Europa orgulhosa, livre e de nações soberanas, capazes de cooperar para a segurança e a prosperidade de todos".

Vox e FdI são partidos com muitas ligações, que se apoiam mutuamente, reconhecendo a similitude dos projetos que defendem.

Já o maior partido da direita em Espanha, o Partido Popular (PP, na oposição), não assumiu uma posição em relação aos resultados das eleições italianas, apesar de o presidente da formação política, Alberto Nuñez Feijóo, ter tido hoje agenda pública.

Houve, porém, reações, não totalmente coincidentes, de dois dos dirigentes do PP atualmente com mais peso em Espanha, os presidentes dos governos regionais de Madrid e da Andaluzia, Isabel Díaz Ayuso e Juan Manuel Moreno, respetivamente.

Isabel Díaz Ayuso considerou que estas eleições provam que o socialismo "está a desaparecer" em toda a Europa por causa das alianças com a extrema-esquerda, como acontece no atual governo espanhol.

"É este o título desta noite italiana: o desastre dos socialistas aliados hoje com a extrema-esquerda", afirmou a presidente da Comunidade de Madrid.

Ayuso disse haver "algumas partes do discurso" de Giogia Meloni com que não concorda, mas revê-se em "outras partes, do diagnóstico da situação de Itália, partilhado por muitos países da União Europeia".

Já o presidente da Junta da Andaluzia disse esperar que o novo Governo italiano respeite e acate os valores da União Europeia (UE) da "diversidade, tolerância e pluralidade, dentro da essência democrática" e que "defenda também a UE".

Juan Manuel Moreno (conhecido como Juanma Moreno) defendeu também um reflexão sobre os motivos por que o designado centro político não consegue mobilizar mais eleitores e por que ganham terreno os partidos extremistas, distanciando-se, por outro lado, de Girogia Meloni.

"Aquilo de que eu gosto e que reivindico são as posições de centro e moderadas", afirmou Juan Manuel Moreno, que em junho conseguiu a primeira maioria absoluta da história para o PP na região da Andaluzia, no final de uma campanha em que apostou por um discurso moderado e ao centro, distanciando-se do perfil de outros dirigentes do PP, como Isabel Díaz Ayuso.

O Vox conseguiu há quatro anos, precisamente na Andaluzia, o seu primeiro resultado eleitoral expressivo, com o qual conseguiu entrar pela primeira vez num parlamento em Espanha.

O partido de Santiago Abascal tem desde então ganhado terreno e já este ano entrou pela primeira vez num Governo, em coligação com o PP, no executivo regional de Castela e Leão.

O partido falhou, porém, o objetivo de entrar no Governo regional da Andaluzia, com o eleitorado a dar a maioria absoluta ao moderado Juanma Moreno.

Espanha, que tem atualmente um governo de coligação entre o partido socialista (PSOE) e a plataforma de extrema-esquerda Unidas Podemos, tem eleições legislativas nacionais previstas para final de 2023.

Antes, em maio, haverá eleições municipais e regionais em diversas regiões.

Leia Também: Itália. Extrema-direita alemã saúda Meloni, Scholz quer Roma amiga da UE

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório