Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2022
Tempo
13º
MIN 7º MÁX 14º

As frases marcantes de Olaf Scholz no primeiro ano como chanceler alemão

A pandemia, as alterações climáticas, Portugal e a guerra russa na Ucrânia foram alguns dos temas sobre os quais o novo chanceler alemão, Olaf Scholz, se pronunciou no primeiro ano como sucessor de Angela Merkel.

As frases marcantes de Olaf Scholz no primeiro ano como chanceler alemão
Notícias ao Minuto

08:45 - 25/09/22 por Lusa

Mundo Alemanha

Eis algumas frases marcantes do novo chanceler alemão desde que o SPD, Partido Social-Democrata alemão, com Olaf Scholz como candidato, venceu as eleições a 26 de setembro do ano passado:

"[O resultado das eleições é] um sucesso."

Olaf Scholz, líder social-democrata, depois de vencer as eleições legislativas de 26 de setembro de 2021 na Alemanha, por uma ligeira margem

26-09-2021

"Os cidadãos e as cidadãs deram-nos um mandato para construirmos um Governo juntos [com os Verdes e os liberais do FDP]."

06-10-2021

"Efetivamente, conseguimos chegar a acordo. É um resultado muito bom, mostra claramente que pode ser formado um Governo na Alemanha."

Numa declaração à imprensa feita em conjunto com os líderes dos partidos ecologista, Annalena Baerbock e Robert Habeck, e liberal, Christian Lindner

15-10-2021

"O vírus [da covid-19] ainda está entre nós, por isso, é importante tomar medidas para proteger a saúde dos cidadãos (...) Devemos tomar muitas medidas necessárias para superar este inverno. Devemos proteger o nosso país do inverno."

Numa intervenção durante o debate no Bundestag (câmara baixa do parlamento) sobre as medidas incluídas no projeto de lei elaborado pelos social-democratas (SPD), Verdes e Partido Liberal (FDP)

11-11-2021

"Nós, na Alemanha, temos uma grande responsabilidade para que isso aconteça (combate às alterações climáticas). (...) Fazemo-lo por nós próprios, mas, ao mesmo tempo, fazemo-lo por todos os outros, porque somos nós que mostramos o caminho (...), como um dos países industriais mais prósperos do mundo, com as tecnologias mais modernas e os melhores cientistas."

04-12-2021

"Será um novo começo para o nosso país. Quero fazer tudo por isso."

Na posse como novo chanceler alemão

08-12-2021

"É preciso manter este crescimento que foi impulsionado pelo Plano de Recuperação para a Europa. Ao mesmo tempo, temos de trabalhar no reforço da solidez das nossas finanças. Não é algo contraditório."

Após um encontro em Paris com o Presidente da República francês, Emmanuel Macron

10-12-2021

"Vemos com grande preocupação a situação da segurança na fronteira russo-ucraniana (...) Se ainda não compreenderam todos, permitam-me repetir aqui o que disse à minha antecessora (Angela Merkel): qualquer violação da integridade territorial terá um preço, um preço elevado."

15-12-2021

"Para se fazer ouvir e não se tornar um mero brinquedo para potências estrangeiras, a União Europeia (UE) tem de estar unida."

Na primeira declaração do Governo no Parlamento federal

15-12-2021

"[O Governo português] está a fazer um trabalho muito, muito bom, e tem muito apoio do povo português. Vemos isso quando estamos lá, e eu gosto muito de estar em Portugal a discutir com o António [Costa] a estratégia política do país. Por isso, estou absolutamente confiante de que ele será novamente bem-sucedido nesta campanha eleitoral."

16-12-2021

"Vamos provar que estão errados os que atualmente retratam o nosso continente como uma bola de bilhar num grande jogo geoeconómico entre a China e os Estados Unidos. O que queremos alcançar é uma mudança de paradigma na política climática internacional. Não vamos continuar à espera dos mais lentos e menos ambiciosos."

19-01-2022

"Eu sei que tu, como solidário e incansável defensor da justiça social, lideraste Portugal com mão firme, com uma bússola moral transparente, perante os desafios dos últimos anos. Não tenho dúvidas de que assim continuarás. Contigo, caro António [Costa], Portugal continuará a avançar."

Num vídeo divulgado num comício do PS em Aveiro, Olaf Scholz -- cujo partido, SPD, pertence à mesma família política europeia que o PS, a Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas (S&D)

26-01-2022

"É evidente para todos os europeus que não é possível alcançar uma segurança duradoura contra a Rússia, mas apenas [é] possível fazê-lo com a Rússia."

Em conferência de imprensa conjunta com o Presidente russo, Vladimir Putin, em Moscovo

15-02-2022

"Esta é a guerra de [Vladimir] Putin, não a guerra de toda a Rússia."

Numa mensagem televisiva, no dia em que a Rússia invadiu a Ucrânia

24-02-2022

"Com a invasão da Ucrânia, entrámos numa nova era. [Na Ucrânia] as pessoas não estão apenas a defender a sua pátria, [batem-se também] pela liberdade e pela sua democracia."

AFP, 27-02-2022

"Esse não é o objetivo da NATO (mudança de regime na Rússia), e certamente também não é o objetivo do Presidente dos Estados Unidos [Joe Biden]."

28-02-2022

"Temos de analisar com precisão o que fazemos em particular e, entre as hipóteses, não está, de forma alguma, o fornecimento de aviões de combate [à Ucrânia]."

09-03-2022

"Qualquer um na Rússia deve saber que a guerra de Putin é responsável pela morte de soldados russos na Ucrânia."

17-03-2022

"A verdade é que a guerra está a destruir a Ucrânia, mas Putin, que está a fazer a guerra, está também a destruir o futuro da Rússia."

23-03-2022

"A NATO não vai fazer parte da guerra."

23-03-2022

"Temos de garantir que somos suficientemente fortes para que não haja ataques à UE ou à NATO."

28-03-2022

"Não aceito o cinismo malévolo com que alguns dizem que aqui não se pode opinar sobre algumas questões."

Depois de um grupo de manifestantes o ter vaiado durante uma ação de campanha eleitoral em Essen (Oeste), quando falava da pandemia de covid-19

02-04-2022

"Não é viável obter gás de outros sítios em vez da Rússia no volume que precisamos, e o mesmo acontece com a maioria dos outros países europeus do leste e do sul da Europa."

Numa conferência de imprensa conjunta com o então primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson

08-04-2022

"Os Balcãs ocidentais pertencem à Europa. Todos os países que os compõem devem integrar-se no futuro na UE."

Durante uma conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro do Kosovo, Albin Curti

04-05-2022

"As pessoas que vivem na Alemanha sabem que ainda continuam a ser descobertas bombas lançadas durante a Segunda Guerra Mundial e que as ameaças de bombas se mantêm. A Ucrânia terá, portanto, de se preparar para lutar durante 100 anos contra as consequências desta guerra."

11-05-2022

"A afirmação de que os nazis dominam [na Ucrânia] é falsa."

13-05-2022

"Não haverá 'diktat' (exigência imposta pelo mais forte) de paz, porque os ucranianos não o aceitarão e nós também não. Só quando Putin entender isso, só quando entender que não consegue quebrar a defesa da Ucrânia, estará preparado para negociar a paz a sério."

19-05-2022

"Não podemos permitir que Putin ganhe a guerra."

26-05-2022

"Nos últimos anos, Portugal tem escrito uma história de sucesso económico impressionante. Que recuperação, depois dos anos difíceis de crise económica e financeira."

Na cerimónia de abertura da feira de Hannover, acompanhado pelo primeiro-ministro, António Costa

29-05-2022

"Entenda [Vladimir Putin] que não vai haver uma paz imposta. E se acredita que vai roubar algumas terras e depois espera que os tempos mudem e todas as coisas voltem ao normal, é um erro."

17-06-2022

"Tal como a Europa, que foi devastada pela Segunda Guerra Mundial, a Ucrânia precisa agora de um Plano Marshall para a sua reconstrução."

Dirigindo-se aos deputados do parlamento alemão, em Berlim, citado pela agência francesa AFP

22-06-2022

"Putin não deve ganhar esta guerra. Vamos continuar a manter e a aumentar os custos económicos e políticos desta guerra para o Presidente Putin e o seu regime."

28-06-2022

"[Um gasoduto que transporte gás a partir de Portugal através de Espanha e França para o resto da Europa, para reduzir a atual dependência de gás russo] seria um alívio gigante para a situação atual."

Efe, 11-08-2022

"Não exerci qualquer influência no processo fiscal de Warburg."

Numa audição perante uma comissão parlamentar de inquérito sobre o escândalo "Cum-ex" (fraude fiscal sobre lucros)

29-08-2022

"A Rússia não é um fornecedor de energia fiável (...) O Governo federal [alemão] preparou-se para esta eventualidade desde o início do ano."

04-09-2022

"[A Alemanha] será capaz de lidar com este inverno [e garantir o fornecimento de energia, apesar da redução das entregas do gás russo]."

04-09-2022

"Como a nação mais populosa, com o maior poder económico e localizada no centro do continente, o nosso exército deve tornar-se o pilar da defesa convencional da Europa, a força armada mais bem equipada da Europa."

16-09-2022

"Claramente que esses referendos simulados [na região de Donbass e outras sob ocupação russa na Ucrânia] não são aceitáveis e não têm cobertura do direito internacional. Tudo isto é apenas uma tentativa de agressão imperialista."

20-09-2022

Leia Também: Falhas na estratégia e comunicação: O 1.º ano de Scholz como chanceler

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório