Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 19º

Rússia não apoia desmilitarização em torno da central de Zaporíjia

Secretário-geral da ONU tinha apelado a "um acordo urgente" sobre um "perímetro seguro de desmilitarização" para garantir a segurança da área.

Rússia não apoia desmilitarização em torno da central de Zaporíjia

A Rússia não apoia a proposta de desmilitarização em torno da central nuclear de Zaporíjia (Zaporizhzhia), que tinha sido feita pela ONU. Esta posição foi dada a conhecer por Vasyl Nebenzia, representante russo nas Nações Unidas.

"A desmilitarização da central pode torná-la vulnerável a quem quiser visitá-la. Ninguém sabe quais serão as suas metas e objetivos. Não podemos descartar quaisquer provocações, ataques terroristas à central, que devemos proteger", disse Nebenzia, citado pela Interfax.

Recorde-se que António Guterres, secretário-geral das Nações Unidas, tinha pedido um acordo para estabelecer um "perímetro de segurança e desmilitarização".

"A instalação não deve ser usada como parte de quaisquer operações militares. Em vez disso, é necessário chegar urgentemente a um acordo em nível técnico sobre o estabelecimento de um perímetro de segurança e desmilitarização para garantir a segurança da região", apelou.

A central nuclear tem sido alvo de ataques, com Kyiv e Moscovo a acusar-se mutuamente. Estes ataques têm gerado preocupação por parte da comunidade internacional, uma vez que levantam questões de segurança.

Leia Também: Acidente em Zaporíjia "poderia ser mais grave" que Fukushima, diz China

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório