Meteorologia

  • 01 OUTUBRO 2022
Tempo
25º
MIN 12º MÁX 27º

Procura nos autocarros ds STCP atingiu 88% do nível pré-pandemia

A procura nos autocarros da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) atingiu, no primeiro semestre deste ano, 88% do nível registado no mesmo período de 2019, antes da pandemia de covid-19, disse hoje a empresa à Lusa.

Procura nos autocarros ds STCP atingiu 88% do nível pré-pandemia
Notícias ao Minuto

16:30 - 10/08/22 por Lusa

Mundo STCP

Em resposta a questões colocadas pela Lusa, a empresa referiu que "o primeiro semestre deste ano terminou com a STCP a atingir 88% do nível de procura do mesmo período temporal de 2019 (pré-pandemia), em modo autocarro", depois de 84% no primeiro trimestre.

A empresa assinalou, inclusivamente, que no dia 09 de junho "atingiu um novo máximo diário, desde o início da pandemia, transportando mais de 250 mil passageiros nos seus autocarros".

No total, nos primeiros seis meses do ano, a STCP transportou 33,2 milhões de passageiros nos seus autocarros, abaixo dos 37,5 milhões registados no mesmo período de 2019.

Em julho a tendência manteve-se, já que "a procura, em termos absolutos, situou-se nos 88% face ao mesmo período de 2019, sendo de realçar que a procura média ao fim de semana, por dia, ultrapassou já os 95% face a idênticos dias de 2019".

Quanto ao transporte em carro elétrico, nos primeiros seis meses de 2022 atingiu 69% da procura "relativamente ao período homólogo de 2019, quando no primeiro trimestre a procura rondava os 61% de passageiros transportados".

No entanto, a STCP realça que a linha 22 "se encontra suspensa devido às obras do Metro do Porto", impactando os números deste ano.

Assim, durante o primeiro semestre, foram transportados 245 mil passageiros (nas linhas 1 e 18), ao passo que em 2019 tinham sido transportados 355 mil (nas linhas 1, 18 e 22) no mesmo período.

A STCP destaca, na resposta à Lusa, que sem contar com a linha 22, em maio "as linhas 1 e 18 somadas transportaram mais passageiros do que em maio de 2019".

Julho, nos elétricos, "mantém a tendência crescente de procura, apresentando-se como o melhor mês do corrente ano, a conseguir já 84% de passageiros face ao mês homólogo de 2019", apesar do encerramento da linha 22.

Já relativamente aos números de 2021 e 2020, a STCP referiu, na resposta à Lusa, que tinha questionado acerca dos números do primeiro semestre do ano passado, que os dois anos mais marcados pela pandemia "são considerados anos de exceção".

"Não podem ser comparáveis em termos de níveis de procura, devido à situação de pandemia em que o país se encontrava e aos diversos condicionalismos que foram sendo implementados ao longo daqueles dois anos", assinala a empresa liderada por Cristina Pimentel.

No total de 2021, a STCP, tanto nos autocarros como nos elétricos, transportou 51 milhões de passageiros, abaixo do número recorde de 2019, com 76,7 milhões.

Os números hoje conhecidos, relativos ao primeiro semestre, em toda a operação da STCP, situam-se, assim, a cerca de 43,5% do ano completo de 2019, segundo cálculos da Lusa.

Na terça-feira, o Jornal de Notícias noticiou que a Metro do Porto transportou 30,5 milhões de passageiros, um aumento de 85,8% face ao ano passado, ainda impactado pelas medidas de contenção da pandemia de covid-19.

Leia Também: ERSE. Veja aqui uma lista interativa dos preços das ofertas de energia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório