Meteorologia

  • 08 AGOSTO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 27º

AO MINUTO: União Europeia prepara mais sanções; "Ocidente é o instigador"

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a guerra na Ucrânia.

AO MINUTO: União Europeia prepara mais sanções; "Ocidente é o instigador"
Notícias ao Minuto

07:31 - 07/07/22 por Notícias ao Minuto

Ao Minuto Mundo Guerra na Ucrânia

Assinala-se, esta quinta-feira, o 134.º dia da invasão russa da Ucrânia. Os últimos dias ficaram marcados pela conferência internacional sobre a reconstrução da Ucrânia que se realizou em Lugano, na Suíça. O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, defendeu que a reconstrução do país “é um longo caminho” que deve começar agora, ao passo que a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciou no Parlamento Europeu que irá “convocar uma conferência de alto nível após o verão” para discutir a reconstrução.

O epicentro da guerra situa-se na região separatista de Donetsk, em especial na cidade de Sloviansk, de onde a população civil já começou a fugir. Segundo os serviços secretos de defesa britânicos, existe a uma "possibilidade realista" de Sloviansk se tornar palco das maiores batalhas na luta pela região de Donbass.

Fim de cobertura

Marta Amorim | há 1 mês

Boa noite! Damos por terminado o acompanhamento AO MINUTO dos desenvolvimentos da invasão russa da Ucrânia. Poderá acompanhar uma nova cobertura na manhã de sexta-feira. 
 

Casa Branca quer trazer basquetebolista Brittney Griner para os EUA

Marta Amorim | há 1 mês

A Casa Branca defendeu hoje que a admissão de culpa da basquetebolista norte-americana Brittney Griner, por crimes relacionados com tráfico de droga, não altera a intenção de trazer a atleta da Rússia para os Estados Unidos.
  

Casa Branca quer trazer basquetebolista Brittney Griner para os EUA

A Casa Branca defendeu hoje que a admissão de culpa da basquetebolista norte-americana Brittney Griner, por crimes relacionados com tráfico de droga, não altera a intenção de trazer a atleta da Rússia para os Estados Unidos.

Lusa | 23:55 - 07/07/2022

Sanções económicas dos EUA e da Europa à Rússia "não deram certo"

Marta Amorim | há 1 mês

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, considerou hoje que as sanções económicas dos Estados Unidos e da Europa feitas à Rússia, por causa da invasão à Ucrânia, "não deram certo" e defendeu a linha brasileira "de equilíbrio".
  

União Interparlamentar com delegação em missão na Ucrânia e na Rússia

Marta Amorim | há 1 mês

A vice-presidente do Uruguai, Beatriz Argimón, viajou hoje para uma visita à Ucrânia e à Rússia, no âmbito de uma missão da União Interparlamentar (UIP) para, através do diálogo, contribuir para o fim da guerra.
  

União Interparlamentar com delegação em missão na Ucrânia e na Rússia

A vice-presidente do Uruguai, Beatriz Argimón, viajou hoje para uma visita à Ucrânia e à Rússia, no âmbito de uma missão da União Interparlamentar (UIP) para, através do diálogo, contribuir para o fim da guerra.

Lusa | 23:32 - 07/07/2022

"Todos recebemos esta notícia com tristeza". Zelensky telefona a Boris

Marta Amorim | há 1 mês

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, telefonou hoje ao primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, para lhe transmitir a sua "tristeza" pela sua saída da liderança do Partido Conservador.

"Todos nós recebemos esta notícia com tristeza. Não só eu, mas também toda a sociedade ucraniana que simpatiza muito consigo", disse Zelensky a Johnson, antes de insistir no reconhecimento dos ucranianos pelo apoio prestado pelo primeiro-ministro britânico no contexto da invasão russa, segundo um comunicado da Presidência ucraniana.

Navio russo com cereais ucranianos detido na Turquia foi libertado

Marta Amorim | há 1 mês

As autoridades turcas libertaram na noite desta quarta-feira o cargueiro russo que transportaria cereais ucranianos roubados da cidade ocupada de Berdiansk.

“Graças à intervenção rápida das autoridades ucranianas, esta embarcação não pôde descarregar os produtos roubados, tendo sido detida“, afirmou o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, segundo o European Pravda.

Um pedido foi enviado às autoridades turcas para que detivessem o navio, bem como a sua carga.

"Ao mesmo tempo, ignorando o apelo das autoridades ucranianas, o navio foi solto na noite de 6 de julho”, detalha o comunicado do ministério.

Navio russo com cereais ucranianos detido na Turquia foi libertado

O embaixador turco foi convocado em Kyiv em consequência da fuga da embarcação russa.

Notícias ao Minuto | 23:26 - 07/07/2022

Cazaquistão quer exportar petróleo sem passar pela Rússia

Marta Amorim | há 1 mês

O presidente do Cazaquistão decretou hoje que o governo daquele país encontre novas formas de exportar petróleo sem passar pela Rússia, após a fricção entre os dois países vizinhos devido ao conflito na Ucrânia.
  

Cazaquistão quer exportar petróleo sem passar pela Rússia

O presidente do Cazaquistão decretou hoje que o governo daquele país encontre novas formas de exportar petróleo sem passar pela Rússia, após a fricção entre os dois países vizinhos devido ao conflito na Ucrânia.

Lusa | 22:47 - 07/07/2022

Comissão Europeia prepara novo pacote de sanções à Rússia, diz MNE checo

Marta Amorim | há 1 mês

O ministro checo dos Negócios Estrangeiros, Jan Lipavský, disse hoje que a Comissão Europeia já está a preparar o sétimo pacote de sanções à Rússia pela invasão da Ucrânia, garantindo que as medidas restritivas "estão a ter efeito".
  

Federação Russa controla 22% das terras agrícolas, diz NASA

Marta Amorim | há 1 mês

A Federação Russa controla 22% das terras agrícolas ucranianas e a invasão russa ameaça as colheitas deste verão, o que vai agravar a crise alimentar mundial, estimam investigadores da NASA.
  

Federação Russa controla 22% das terras agrícolas, diz NASA

A Federação Russa controla 22% das terras agrícolas ucranianas e a invasão russa ameaça as colheitas deste verão, o que vai agravar a crise alimentar mundial, estimam investigadores da NASA.

Lusa | 22:04 - 07/07/2022

Polónia e Lituânia expressam confiança na NATO sobre Suwalki Gap

Marta Amorim | há 1 mês

Os chefes de Estado da Polónia e da Lituânia expressaram hoje confiança nas tropas da NATO em proteger o corredor Suwalki (Gap), que une os dois países, entre a Bielorrússia e um enclave russo no mar Báltico.
  

Ucrânia. Forças russas intensificam ataques para dominar o Donbass

Marta Amorim | há 1 mês

As forças russas bombardearam hoje várias cidades no Donbass - região onde intensificam os ataques para a tentar conquistar por completo - incluindo Kramatorsk, onde pelo menos um civil foi morto, segundo as autoridades locais.
  

Putin desafia. "Ocidente é o instigador e o culpado"

Marta Amorim | há 1 mês

Vladimir Putin disse que "todos devem saber que" a Rússia está apenas a começar na Ucrânia e ainda não "começou nada a sério". Quaisquer perspetivas de negociações de paz tornar-se-ão cada vez mais escassas quanto mais tempo o conflito se arrastar, disse o líder russo num discurso aos líderes parlamentares.

 Segundo o The Guardian, Putin disse que se o Ocidente queria derrotar a Rússia no campo de batalha, era bem-vindo a tentar.

“Hoje ouvimos que eles [o Ocidente] querem derrotar-nos no campo de batalha. Eles que tentem. Ouvimos várias vezes que o Ocidente quer lutar connosco até ao último ucraniano”, afirmou o chefe de Estado russo, disse. “Isto é uma tragédia para o povo ucraniano, mas parece que tudo aponto nesta direção", acrescentou. 

Putin desafia Ocidente a derrotar Rússia. "Eles que tentem"

Quaisquer perspetivas de negociações de paz tornar-se-ão cada vez mais escassas quanto mais tempo o conflito se arrastar, disse o líder russo.

Marta Amorim com Lusa | 19:50 - 07/07/2022

Petr Fiala quer "desrussificação" europeia na energia em momento difícil

Marta Amorim | há 1 mês

O primeiro-ministro da República Checa, Petr Fiala, admitiu hoje que o país assume a presidência rotativa do Conselho da União Europeia (UE) num "momento difícil", pedindo uma "desrussificação" da energia vinda da Rússia devido à guerra na Ucrânia.
  

Amnistia acusa Rússia de ataque em Serhiivka que fez 21 mortos civis

Marta Amorim | há 1 mês

A Amnistia Internacional (AI) responsabilizou hoje as forças russas pela morte de 21 civis num ataque, na semana passada, a um bloco de apartamentos e um hotel na cidade costeira de Serhiivka, no sul da Ucrânia.
  

Costa Silva destaca "nova era geopolítica" e reconhece trabalho a fazer

Marta Amorim | há 1 mês

O ministro da Economia disse hoje que o mundo está numa nova "era geopolítica e monetária", face à invasão da Ucrânia pela Rússia, defendendo que o pior a fazer "é simplificar", reconhecendo que ainda há muito a fazer.
  

Ucranianas aliciadas com emprego colocadas em redes de prostituição

Marta Amorim | há 1 mês

As autoridades ucranianas afirmam ter desmantelado uma rede criminosa de tráfico de mulheres. Estas eram forçadas a trabalho sexual no estrangeiro depois de terem sido atraídas com falsos anúncios de emprego legal.

As autoridades de Kyiv detiveram o suspeito líder da rede após meses de vigilância. Tudo começou com a detenção de uma mulher quando ela estava prestes a atravessar a fronteira.

Segundo o The Guardian, a jovem de 21 anos, que tem um filho para sustentar, tinha perdido o emprego devido à guerra e estava prestes a atravessar a fronteira para a Hungria, viajar para Viena e, de lá, embarcar num voo para Istambul, onde acreditava que uma oferta de emprego legítima a esperava.

Ucranianas aliciadas com emprego colocadas em redes de prostituição

As mulheres recrutadas estavam em situação vulnerável.

Marta Amorim | 17:10 - 07/07/2022

Zelensky recebeu os senadores Lindsey Graham e Richard Blumenthal

Marta Amorim | há 1 mês

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, reuniu-se hoje com os senadores norte-americanos Lindsey Graham e Richard Blumenthal - republicano e democrata - em Kyiv.

"És um herói. Todos te amam", a chamada de Boris a Zelensky após demissão

Marta Amorim | há 1 mês

Oprimeiro-ministro britânico, Boris Johnson, conversou, esta quinta-feira, com o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, após ter apresentado a demissão do cargo de presidente do Partido Conservador e, consequentemente, de primeiro-ministro do Reino Unido.

Segundo um porta-voz do número 10 de Downing Street, citado pelo jornal britânico The Guardian, os líderes conversaram esta tarde e Boris Johnson “reiterou o firme apoio do Reino Unido” à Ucrânia para fazer frente à invasão russa. 

O primeiro-ministro sublinhou ainda “o apoio inabalável do Reino Unido ao povo do presidente Zelenksy” e garantiu que “o Reino Unido continuará a fornecer ajuda defensiva vital enquanto for necessário” e “trabalhar com os parceiros para tentar colocar fim ao bloqueio de cereais [nos portos ucranianos] nas próximas semanas”.

"És um herói. Todos te amam", a chamada de Boris a Zelensky após demissão

Boris Johnson "reiterou o firme apoio do Reino Unido" à Ucrânia para fazer frente à invasão russa. 

Márcia Guímaro Rodrigues | 16:09 - 07/07/2022

Finlândia altera leis para fortalecer barreiras na fronteira com a Rússia

Marta Amorim | há 1 mês

O Parlamento finlandês modificou esta semana as suas leis para fortalecer as barreiras na fronteira entre a Finlândia e a Rússia, quando o país nórdico iniciou seu processo de adesão à NATO, disseram hoje autoridades locais.
  

Basquetebolista Brittney Griner declara-se culpada de tráfico de droga

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

A basquetebolista norte-americana Brittney Griner declarou-se hoje culpada dos crimes relacionados com tráfico de droga, durante o julgamento que decorre na Rússia, onde está em prisão preventiva desde fevereiro. "Pretendo declarar-me culpada de todas as acusações", disse Griner, assinalando que "não tinha intenção de violar as leis russas" e explicando que a situação foi motivada por descuido e pressa no momento de preparar as malas para sair da Rússia.

Rússia critica o apoio ocidental às "ambições militaristas" de Kyiv

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

A Rússia criticou hoje perante a Turquia o apoio ocidental dado às "ambições militaristas" da Ucrânia, por considerar que isso dificulta a possibilidade de negociações entre Moscovo e Kyiv. A ocasião foi uma reunião bilateral, realizada antes do encontro entre os chefes da diplomacia dos países do G20, entre o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov, e o seu homólogo turco, Mevlut Cavusoglu.

"Confirmou-se a posição de princípio da Rússia sobre a inadmissibilidade do apoio do Ocidente às ambições militaristas do regime de Kyiv, que incentiva as autoridades ucranianas a rejeitar os acordos de paz anteriormente alcançados", indicou o Ministério dos Negócios Estrangeiros russo em comunicado.

"Glória aos soldados". Bandeira da Ucrânia regressa à Ilha das Serpentes

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O Ministério da Defesa da Ucrânia divulgou, esta quinta-feira, um vídeo que mostra o momento em que a bandeira ucraniana é novamente hasteada da Ilha das Serpentes. A bandeira azul e amarela regressou à ilha cerca de uma semana depois da retirada das tropas russas.

Veja o vídeo aqui.

(Mais um) Conselheiro ucraniano agradece apoio de Boris à Ucrânia

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

Anton Gerashchenko, conselheiro do ministro do Interior ucraniano, recorreu à rede social Twitter para agradecer o apoio do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, a quem apelidou de “um verdadeiro amigo da Ucrânia”.

“Boris Johnson é um verdadeiro amigo da Ucrânia. Estamos muito gratos pela sua forte posição no apoio à Ucrânia. Desejamos-lhe força e é sempre bem-vindo no nosso país”, assinalou.

Sublinhe-se que o britânico apresentou hoje o seu pedido de demissão do cargo de presidente do Partido Conservador, abrindo porta a um novo primeiro-ministro. 

Zelensky encontra-se com dois senadores norte-americanos

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, reuniu-se com Lindsey Graham e Richard Blumenthal, dois senadores dos Estados Unidos da América (EUA), a quem agradeceu o apoio dado à Ucrânia.

Numa nota, publicada na rede social Telegram, o presidente ucraniano referiu que o principal objetivo é que, até dia 1 de setembro, as “mulheres e crianças possam voltar para casa [Ucrânia] e crianças e estudantes possam ir às escolas e universidades”. “Contamos com o apoio do Congresso na questão do fornecimento de modernos sistemas de defesa aérea. Devemos garantir um nível de segurança do céu, de forma a que o nosso povo não tenha medo de viver na Ucrânia”, acrescentou.

Um morto e seis feridos em ataque em zona residencial de Kramatorsk

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

Pelo menos uma pessoa morreu e seis ficaram feridas na sequência de um ataque com mísseis russos que atingiu uma zona residêncial em Kramatorsk, segundo revelou o governador regional de Donetsk, Pavlo Kyrylenko. 

“Um míssil russo atingiu o centro de Kramatorsk. Sabe-se ao certo que há um morto e seis feridos, mas estes números ainda podem mudar. Seis edifícios ficaram danificados pelo impacto, incluindo um hotel e um edifício residencial na cidade”, afirmou na rede social Telegram.

Segundo o responsável, trata-se de “um ataque deliberado contra civis” das tropas russas, que continuam a “lutar” contra “pessoas desarmadas”. 

 

União Europeia quer Rússia fora da cimeira do G20

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

A União Europeia (UE) quer ver a Rússia afastada da cimeira do G20, agendada para novembro em Bali, Indonésia, por considerar que a participação de Moscovo "ameaça a credibilidade" do grupo. "A participação da Rússia a alto nível pode constituir uma ameaça à credibilidade, eficácia e relevância do G20", disse, na conferência de imprensa diária da Comissão Europeia, a porta-voz para a Política Externa, Nabila Massrali.

Cargueiro com cereais ucranianos entra em águas russas

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O cargueiro russo Zhibek Zholy, que Kyiv diz transportar trigo ucraniano roubado, entrou em águas territoriais da Rússia depois de deixar a costa turca, onde estava imobilizado desde sexta-feira, de acordo com autoridades da Turquia.

Saiba mais aqui.

"O primeiro a chegar". Conselheiro de Zelensky agradece apoio de Boris

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O conselheiro da presidência da Ucrânia, Mykhailo Podolyak, agradeceu, esta quinta-feira, ao primeiro-ministro demissionário britânico, Boris Johnson, pelo apoio dado ao país desde o início da invasão russa.

“Ser um líder - chamar à Rússia cruel e assumir a responsabilidade nos tempos mais difíceis. Ser um líder - ser o primeiro a chegar a Kyiv, apesar dos ataques com mísseis. Obrigado, Boris Johnson, por perceber a ameaça do monstro russo e estar sempre na vanguarda do apoio à Ucrânia”, apontou na rede social Twitter.

Polónia recebeu mais de 96 mil refugiados ucranianos em maio

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

A Polónia recebeu, durante o mês de maio, um total de 96.085 refugiados ucranianos, segundo revelou, esta quinta-feira, o Eurostat. A Roménia (20.435) e a Bulgária (19.860) seguem-se na lista de países que receberam mais refugiados.

Já a Portugal, chegaram 3.560 pessoas oriundas da Ucrânia.

Boris? "Ele não gosta de nós, nós também não gostamos dele", diz Kremlin

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O Kremlin referiu-se, esta quinta-feira, à crise governativa do Reino Unido, em que dezenas de governantes já se demitiram do cargo e instaram o primeiro-ministro, Boris Johnson, a fazer o mesmo. Segundo o porta-voz, Dmitry Peskov, citado pela Reuters, a situação britânica “não pode ser uma prioridade” para o trabalho da Rússia.

“Ele não gosta de nós, nós também não gostamos dele”, atirou Peskov. “A crise governativa no Reino Unido não pode ser uma prioridade para o nosso trabalho”

Finlândia aprova lei que fortifica fronteira com a Rússia

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O parlamento finlandês aprovou, esta quinta-feira, uma legislação para fortificar a segurança na fronteira da Finlândia com a Rússia, revela a agência de notícias Reuters. A legislação prevê também o encerramento da fronteira terrestre de 1.300 quilómetros aos requerentes de asilo, apesar da contestação da União Europeia, e permitirá ao governo decidir contruir muros ou outras barreiras na fronteira.

Reunião do G20 "tem de se tornar um corredor da vergonha" para a Rússia

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

Mykhaylo Podolyak, conselheiro da presidência ucraniana, defendeu, esta quinta-feira, que a participação da Rússia na reunião do G20, que decorre entre hoje e amanhã na Indonésia, deve “tornar-se um corredor da vergonha” para o país-

Numa publicação na rede social Twitter, o conselheiro de Volodymyr Zelensky, afirmou que a Ucrânia espera “liderança e soluções” da reunião do G20, incluindo “o completo isolamento económico e político do Kremlin”. E acrescentou: “Para os representantes russos, G20 Indonésia tem de se tornar um corredor da vergonha. Todos os países civilizados devem dizer à Rússia que é um país terrorista”.

Medvedev. Saída de Boris é "resultado da arrogância e política medíocre"

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O antigo presidente russo e atual vice-presidente do Conselho de Segurança da Rússia, Dmitry Medvedev, reagiu, esta quinta-feira, às notícias que dão conta que o primeiro-ministro, Boris Johnson, se prepara para se demitir do cargo de presidente do Partido Conservador, após dezenas de governantes terem abandonado o governo.

Ucrânia atribui prémio da paz à Amazon

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, decidiu atribuir à divisão Web Services da Amazon o prémio da paz pelo apoio ao país durante o atual conflito pela Rússia, conta o Business Insider. De acordo com a publicação, o prémio foi atribuído pelo apoio que a Amazon tem prestado na manutenção das bases de dados e registos, graças à estrutura da ‘cloud’ da empresa tecnológica norte-americana.

Ilha das Serpentes. Rússia diz ter matado soldados que hasteavam bandeira

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O Ministério da Defesa da Rússia afirmou, esta quinta-feira, que matou “vários militares ucranianos” que viajaram até à Ilha das Serpentes para hastear a bandeira da Ucrânia.

Saiba mais aqui.

Borrell pede à China "papel mais construtivo" na guerra contra a Ucrânia

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O chefe de política externa da União Europeia, Josep Borrell, reuniu-se com o ministro dos Negócios Estrangeiros da China, Wang Yi, a quem pediu "um papel mais construtivo" na abordagem da guerra da Rússia contra a Ucrânia.

“Instei a China a desempenhar um papel mais construtivo na abordagem da guerra da Rússia contra a Ucrânia e a parar com a desinformação sobre quais são as causas e as desastrosas consequências económicas globais do ataque da Rússia”, afirmou Borrell na rede social Twitter.

 

150 soldados russos morreram nas últimas 24h, diz Ucrânia

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

As Forças Armadas da Ucrânia revelaram, esta quinta-feira, que 150 soldados russos foram mortos nas últimas 24 horas, aumentando o total para 36.650 desde o início da invasão russa. No seu mais recente balanço, o exército ucraniano diz ainda ter destruído 1.692 (+2) tanques russos e 3.797 (+8) veículos armados desde 24 de fevereiro.

Lavrov marca presença na reunião do G20 esta quinta e sexta-feira

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Sergei Lavrov, irá participar entre esta quinta e sexta-feira numa reunião do G20, que se realiza na ilha de Bali, na Indonésia. Esta será a primeira vez que o ministro estará perante os seus homólogos desde o início da invasão russa da Ucrânia.

A participação do ministro russo tem sido criticada por outros governantes, como é o caso da ministra dos Negócios Estrangeiros alemã, Annalena Baerbock. “É do interesse de todos nós assegurar que o direito internacional seja respeitado. Este é o denominador comum”, disse a ministra, citada pela imprensa internacional.

 

Apesar dos "fortes bombardeamentos", avanços russos são "poucos"

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

O Ministério da Defesa do Reino Unido afirmou, esta quinta-feira, que apesar de continuarem os “fortes bombardeamentos ao longo da linha da frente de Donetsk”, os avanços das tropas russas são “poucos”.

“Continuaram os fortes bombardeamentos ao longo da linha da frente de Donetsk, mas com poucos avanços feitos pela Rússia. As unidades russas envolvidas nas conquistas da semana passada estão agora provavelmente a reconstituir-se”, lê-se no mais recente relatório dos serviços de informação britânicos sobre a invasão russa.

Na semana passada, recorde-se, as tropas russas anunciaram ter “controlo total” da cidade de Lysychansk - o último reduto da resistência ucraniana na região separatista de Lugansk.

 

Rússia volta a atacar Ilha das Serpentes

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

A Ilha Zmiinyi [Ilha das Serpentes] foi, durante a madrugada desta quinta-feira, atingida por dois mísseis russos. A informação foi avançada pelo porta-voz da administração militar de Odessa, Serhiy Bratchuk. Os ataques surgem cerca de uma semana após as tropas russas abandonarem a ilha.

Segundo revelou o responsável numa publicação na rede social Telegram, os mísseis “danificaram significativamente” a zona portuária da ilha. Também a região de Odessa foi alvo de ataques. “Duas máquinas agrícolas foram atingidas, 35 toneladas de cereais ficaram destruídas”, afirmou.

Para recordar...

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

Bom dia!

Márcia Guímaro Rodrigues | há 1 mês

Damos início a um novo acompanhamento AO MINUTO da guerra na Ucrânia. Poderá recordar tudo o que aconteceu na quarta-feira no registo abaixo:

AO MINUTO: "Armas reduzem ofensiva russa"; 12 mil civis em Lysychansk

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a guerra na Ucrânia.

Notícias ao Minuto | 07:58 - 06/07/2022

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório