Meteorologia

  • 09 AGOSTO 2022
Tempo
29º
MIN 17º MÁX 30º

Músico e republicano, "andava sempre por aí". Quem é Robert E. Crimo III?

O jovem, de 22 anos, não é um suspeito, mas sim uma "pessoa de interesse". Terá matado, pelo menos, seis pessoas e dezenas ficaram feridas no desfile que assinalava o 4 de Julho em Highland Park, Illinois.

Músico e republicano, "andava sempre por aí". Quem é Robert E. Crimo III?
Notícias ao Minuto

08:55 - 05/07/22 por Teresa Banha

Mundo Tiroteios EUA

Robert E. Crimo III era só mais um entre os milhões de norte-americanos que, na segunda-feira, celebravam o Dia da Independência, data comemorativa celebrada desde o século XVIII nos Estados Unidos.

No estado de Illinois, o jovem, de 22 anos, manchou um dos feriados nacionais mais importantes quando disparou, pelo menos, 20 vezes durante um desfile comemorativo na cidade de Highland Park.

"Ouvi 20 a 25 tiros, sucessivamente. Não podia a ter sido apenas uma arma portátil ou espingarda", contou um dos habitantes da cidade à publicação Chicago Sun-Times. Miles Zaremski, que assistia ao desfile, deparou-se com uma das seis vítimas mortais, que estava coberta de sangue.

Foram precisas algumas horas para deter Robert, que foi travado pela polícia a cerca de 8 km do local do tiroteio, e que não ofereceu resistência. As autoridades identificaram-no como uma "pessoa de interesse" e não um suspeito.

E quem é esta "pessoa de interesse"?

A partir do momento em que foi identificado e as imagens da sua detenção começaram a circular na internet, foi possível encontrar em muitos sítios as imagens de Robert, que, para uma pessoa que passava discreta na vizinhança, marcava presença em muitos eventos, entre os quais comícios do antigo presidente, Donald Trump.

Onde está o Robert?

Esta não é a primeira vez que Robert aparece nas publicações internacionais. De riscas vermelhas e brancas e gorro a condizer (à imagem de Wally), o jovem já apareceu num artigo do Chicago Tribune, no qual a publicação dava conta de uma "noite tensa" numa manifestação de apoiantes do então presidente Trump. Tal como ontem, a 25 de setembro de 2020, as armas também saíram à rua na localidade de Northbrook, no mesmo estado norte-americano.

Para além da presença nos comícios para 'Tornar a América Grandiosa Novamente' (MAGA, Make America Great Again em inglês, slogan de campanha de Donald Trump), o jovem também tinha contas nas redes sociais, que esta quarta-feira já restringiram os acessos. 

Robert, ou 'Awake the Rapper', tem um canal de YouTube no qual partilha músicas e imagens perturbadoras. Uma das músicas, 'Toy Soldier' (Rapaz soldado), tem um vídeo animado no qual aparece um atirador que dispara numa escola, e onde é ilustrado um rasto de sangue. O vídeo ainda está disponível.

Apesar de não se referir nenhuma vez ao grupo,  aparece também nos vídeos um símbolo semelhante ao do Suomen Sisu, um gripo de extrema-direita da Finlândia.

Uma outra música do jovem chama-se 'Sou a tempestade', inspirada, de acordo com uma advogado, na conspiração Qanon, movimento conspirativo de alguns dos envolvidos na invasão do Capitólio.

Já ao Daily Beast, um dos vizinhos, que preferiu não ser identificado, disse que nunca tinha falado com ele, mas que o via sempre às voltas na vizinhança. "Não o conhecemos, mas ele anda sempre por aí de bicicleta", explicou, acrescentando que a família já vive ali há algum tempo. No IMDB, o jovem descreve-se como "o filho do meio e descendente italiano". À mesma publicação, um primo defendeu que não havia "sinais de alerta".

Leia Também: EUA. Detido jovem ligado a tiroteio em desfile do Dia da Independência

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório