Meteorologia

  • 10 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 26º

Rússia impõe sanções à mulher e filha de Joe Biden

A nova lista de sancionados pela Rússia tem 25 nomes. 

Rússia impõe sanções à mulher e filha de Joe Biden

A mulher e a filha de Joe Biden, o presidente dos Estados Unidos - bem como outras figuras proeminentes dos Estados Unidos -  acabam de entrar na lista das personalidades sancionadas pela Rússia, avança a agência Reuters. A sanção impede a entrada no país. 

A medida é uma resposta à "cada vez maior" lista de sanções que os EUA aplicaram ao Kremlin, nomeadamente às suas figuras públicas e políticas, informou em comunicado o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia.

A mesma lista inclui o líder dos republicanos no Senado norte-americano, Mitch McConnell, além de outros senadores como Charles Grassley, Kirsten Gillibrand e Susan Collins e académicos como Francis Fukuyama.    

Os Estados Unidos aplicaram sanções contra familiares do Presidente russo, nomeadamente às duas filhas de Vladimir Putin.

O Presidente norte-americano avançou ontem uma nova ronda de sanções que o G7 vai impor à Rússia na sequência do encontro realizado na Alemanha, num esforço para continuar a apoiar a Ucrânia.

"O G7 vai continuar a entregar um compromisso inabalável e unificado para apoiar a Ucrânia e aproveitar as sanções sem precedentes para responsabilizar o Presidente Putin – sanções que com o tempo vão isolar ainda mais a Rússia da economia mundial”, afirmou Joe Biden.

Assinala-se, esta terça-feira, o 125.º dia da guerra na Ucrânia, que já provocou, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a morte a 4.662 civis e deixou 5.803 feridos.

[Notícia atualizada às 12h33]

Leia Também: Casa Branca. Fontes duvidam que Ucrânia consiga reconquistar territórios

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório