Meteorologia

  • 29 SETEMBRO 2022
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 21º

EUA. Quantos quilómetros uma mulher terá de viajar para poder abortar

Mulheres terão de percorrer centenas de quilómetros e conduzir durante quatro horas, em média, ou apanhar vários meios de transporte para poderem interromper gestações.

EUA. Quantos quilómetros uma mulher terá de viajar para poder abortar
Notícias ao Minuto

17:31 - 24/06/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Aborto

É um recuo histórico nos direito e liberdades fundamentais de milhões de mulheres americanas. O Supremo Tribunal dos Estados Unidos decidiu reverter o direito constitucional ao aborto, uma lei que vigorava desde 1973, quase meio século.

Com a decisão, as opções para quem queira interromper uma gravidez tornam-se muito mais escassas e nem sempre acessíveis a todos.  

De acordo com uma análise da NBC News a distância entre a clínica de aborto mais próxima e as principais cidades, em 21 estados norte-americanos, que terão proibições de aborto - que entrarão em vigor após a decisão conhecida hoje -, será de centenas de quilómetros para poderem abortar.

Em média, constatou o jornal, terão de conduzir durante pelo menos quatro horas ou apanhar vários meios de transporte para chegarem à clínica de aborto mais próxima num estado onde a interrupção da gravidez seja legal. 

Constatando o caso de alguém que viva em Salt Lake City - a cidade com mais população do estado norte-americano do Utah - serão necessárias mais do que as quatro horas médias de viagem. Se a viagem for realizada de carro, estamos a falar de cerca de seis horas ao volante e aproximadamente 539 quilómetros para chegar à clínica mais próxima, em Steamboat Springs, no estado do Colorado. 

Já se estivermos a falar de um percurso realizado através de meios de transporte públicos, serão necessárias 19 horas num comboio e três autocarros até chegar ao destino. Em termos de distância aproximada, se pensarmos no nosso país, seria como ir do Porto a Loulé. 

Outro exemplo dado pelo NBC News é Boise, a cidade com mais população do estado norte-americano do Idaho. 

Neste caso, a unidade de saúde em que o aborto é legal mais próxima é o Walla Walla Health Center, em Washington, que se situa a pouco mais de 400 quilómetros. Estamos por isso a falar de cerca de quatro horas ao volante ou mais de 10 em quatro autocarros diferentes.

A seguir a esta, a mais próxima de Idaho Fall, no mesmo estado de Boise, é em Helena, Montana, que fica a cerca de 466 quilómetros. Nesta segunda opção, não há opções de transportes públicos, segundo a análise do mesmo jornal. 

Estes são apenas alguns exemplos das autênticas jornadas que as mulheres norte-americanas terão de realizar para poderem ter direito ao aborto. 

A partir desta sexta-feira, dia em que o Supremo Tribunal anulou a decisão que deu direito ao aborto, mais de duas dezenas de estados poderão proibir ou restringir o aborto. Refira-se que este número se traduz em quase metade do país, que é composto por 50 estados. 

Leia Também: É oficial: Supremo dos EUA anula decisão que deu direito ao aborto 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório