Meteorologia

  • 27 JUNHO 2022
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 23º

"De cadeira de rodas, maca ou padiola", Papa estará em Portugal em 2023

O bispo auxiliar de Lisboa Américo Aguiar, responsável pela organização da Jornada Mundial da Juventude de 2023, deixou hoje a certeza de que o Papa Francisco, apesar dos problemas de saúde, vai estar em Portugal no próximo ano.

"De cadeira de rodas, maca ou padiola", Papa estará em Portugal em 2023
Notícias ao Minuto

14:44 - 23/06/22 por Lusa

Mundo Bispo Américo Aguiar

"Não se preocupem. O Papa vem, de cadeira de rodas, de maca, de padiola, vem", disse Américo Aguiar aos participantes nos X Workshops Internacionais de Turismo Religioso, que estão a decorrer em Fátima.

Também a Cova da Iria está certa no itinerário de Francisco, com Américo Aguiar a ser também perentório: "o Papa vai estar em Fátima. Não sabemos se antes, se durante, se depois [da Jornada Mundial da Juventude]".

A Jornada decorre entre 01 e 06 de agosto do próximo ano em Lisboa, nos terrenos do chamado Parque Tejo, a norte do Parque das Nações, sendo esperados centenas de milhares de jovens de todo o mundo.

Considerando-o "o maior evento em Portugal nos últimos 20 anos", o bispo auxiliar de Lisboa recusou-se a apontar estimativas de participantes, embora a organização esteja a trabalhar em cima de "cenários em baixa, em alta e a meia-haste".

"Não queremos ficar reféns dos números", disse Américo Aguiar, para quem este evento É dirigido "a todos os jovens e não apenas aos jovens católicos".

O prelado sublinhou, também, que nos dias anteriores à JMJLisboa2023, muitos milhares de jovens vão andar "à solta pelo país", sendo um dos destinos "incontornáveis" o Santuário de Fátima, com cujos responsáveis a organização da Jornada já está a trabalhar.

Também com o Governo tem estado a ser vista a necessidade de "potenciar as capacidades aeroportuárias do país, seja através de Beja ou de infraestruturas militares", disse Américo Aguiar, alertando para os muitos milhares de jovens que chegarão a Portugal de avião.

Na sua intervenção, o bispo auxiliar de Lisboa deixou ainda uma nota de ligação da JMJ a Portugal desde o início do evento.

"Dizem as lendas que a inspiração para as Jornadas Mundiais da Juventude teve lugar em Portugal, quando João Paulo II teve um encontro com jovens no Parque Eduardo VII, em Lisboa, em 1982", afirmou o prelado.

Instituição que também está a orientar a sua programação para a JMJ de 2023 é o Santuário de Fátima, cujo reitor, padre Carlos Cabecinhas, hoje afirmou que "Fátima é uma realidade cada vez mais global, como ficará provado com a JMJ".

Carlos Cabecinhas, na sua intervenção nos X Workshops Internacionais de Turismo Religioso mostrou-se convicto de que "a retoma do turismo religioso será mais lenta", tendo em conta que ainda se está a recuperar de dois anos de pandemia, a que se juntaram "a guerra na Ucrânia e os problemas económicos relacionados com a inflação crescente".

Apesar de tudo, até maio deste ano, o número de peregrinos que passaram pelas cerimónias no Santuário de Fátima já suplantou o total verificado nos 12 meses de 2021, que foi de 2,5 milhões.

"2022 é um ano de clara recuperação", disse o reitor.

Leia Também: Papa emérito Bento XVI acusado de ter encoberto abusos sexuais

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório