Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2022
Tempo
31º
MIN 17º MÁX 32º

Principal ameaça para talibãs no Afeganistão vem do Estado Islâmico

Os governantes talibãs no Afeganistão mantêm laços estreitos com a Al-Qaeda e a sua principal ameaça militar vem do Estado Islâmico, de acordo com um relatório de especialistas das Nações Unidas

Principal ameaça para talibãs no Afeganistão vem do Estado Islâmico
Notícias ao Minuto

08:52 - 03/06/22 por Lusa

Mundo Talibãs

Os peritos afirmaram no relatório para o Conselho de Segurança da ONU que, com o início de melhores condições meteorológicas, os combates podem intensificar-se à medida que o autoproclamado Estado Islâmico e forças de resistência formadas por antigo pessoal de segurança do anterior Governo afegão empreendem operações contra os talibãs.

Mas nem o Estado Islâmico nem a Al-Qaeda "são considerados capazes de montar ataques internacionais antes de 2023, na melhor das hipóteses", disse o painel de peritos.

Ainda assim, a presença do Estado Islâmico, da Al-Qaeda, e de "muitos outros grupos terroristas e combatentes em solo afegão" está a suscitar preocupações nos países vizinhos e na comunidade internacional em geral.

Desde a tomada de controlo do Afeganistão a 15 de agosto, quando as forças dos EUA e da NATO estavam na fase final da retirada do país, os talibãs "privilegiaram a lealdade e a antiguidade sobre a competência, e a sua tomada de decisões tem sido opaca e inconsistente", disseram os peritos.

No relatório apresentado na quinta-feira, os especialistas indicaram que os talibãs nomearam 41 homens na lista negra de sanções da ONU para o Governo e outros altos cargos, e favoreceram o grupo étnico pashtun dominante do país, alienando as comunidades minoritárias, incluindo os tajiques e os usbeques.

A principal preocupação dos talibãs tem sido a consolidação do controlo "enquanto procuram o reconhecimento internacional, o reencontro com o sistema financeiro internacional e receber ajuda para lidar com a crescente crise económica e humanitária no Afeganistão", disseram os peritos.

Leia Também: Delegação indiana reúne-se pela primeira vez com talibãs no Afeganistão

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório