Meteorologia

  • 06 JULHO 2022
Tempo
29º
MIN 17º MÁX 31º

"Temos de ter a coragem de agir", diz Kamala sobre o Texas

"Como nação, temos de ter a coragem de agir e entender o sentido do que faz uma política pública razoável e sensata para garantir que algo assim nunca aconteça novamente", apelou a vice-presidente dos EUA sobre o tiroteio em Uvalde, no Texas.

"Temos de ter a coragem de agir", diz Kamala sobre o Texas

A vice-presidente dos EUA Kamala Harris já reagiu emocionada ao tiroteio numa escola primária em Uvalde, no estado norte-americano do Texas onde morreram pelo menos 19 estudantes e dois adultos.

"Embora ainda não saibamos todos os detalhes, sabemos que há pais que perderam filhos - famílias que perderam filhos - e os seus entes queridos, é claro, e muitos outros que podem ter sido feridos", referiu a vice-presidente no início da sua intervenção sobre este assunto no encontro anual do Instituto Americano da Ásia-Pacífico para Estudos do Congresso (APAICS) .

Acrescentou depois: "Eu normalmente diria que num momento como este, nós também diríamos, naturalmente, que nossos corações estão partidos. Mas os nossos corações continuam a ser partidos. (...) E os nossos corações partidos não são nada comparados aos corações partidos destas famílias".

Tendo em conta que se encontrava na presença de vários legisladores nacionais, aproveitou para pedir aos presentes que refletissem especificamente sobre o seu papel na promulgação de mudanças.

"Acho que todos nós sabemos e já dissemos muitas vezes uns aos outros: 'Basta'. Já é suficiente. Como nação, temos de ter a coragem de agir e entender o sentido do que faz uma política pública razoável e sensata para garantir que algo assim nunca aconteça novamente", salientou.

Por fim, falou ainda diretamente para as vítimas e referiu "direi apenas ao povo de Uvalde - Por favor, saibam que esta é uma sala cheia de líderes que sofrem com todos vocês, e estamos a rezar por todos".

“É difícil num momento como este pensar em outras coisas. Mas eu olho em volta desta sala, e sei quem está aqui, e sei que esta é uma sala cheia de líderes americanos que sabem e têm a coragem de tomar uma posição", terminou.

Este tiroteio é o mais mortífero numa escola dos Estados Unidos desde o ataque a Sandy Hook, no Connecticut, que vitimou 20 crianças e seis funcionários.

Leia Também: Zelensky oferece "condolências" às vítimas do Texas. "Isto é terrível"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório