Meteorologia

  • 11 AGOSTO 2022
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 26º

Rússia confirma bombardeamento contra Kyiv durante visita de Guterres

A Rússia confirmou hoje ter feito um ataque com armas "de alta precisão" contra Kyiv na quinta-feira, causando um morto, durante a visita do secretário-geral da ONU, António Guterres.

Rússia confirma bombardeamento contra Kyiv durante visita de Guterres

"As forças russas destruíram com armas de alta precisão as oficinas da empresa espacial Artiom na cidade de Kyiv", disse hoje o Ministério da Defesa da Rússia, em Moscovo. 

Pelo menos uma pessoa morreu na sequência do ataque russo de quinta-feira, disse hoje o presidente da Câmara de Kyiv, Vitali Klitschko, na rede social Telegram. 

Os socorristas "encontraram um corpo" nos destroços do local atingido, perto do centro da cidade, acrescentou o autarca. 

Quatro pessoas feridas foram transportadas para um hospital, disse ainda o presidente da Câmara numa outra mensagem.

Na quinta-feira, Vitali Klitschko tinha confirmado "dois ataques" a um dos distritos da capital.

"À noite, o inimigo atacou Kyiv. Dois ataques no distrito de Chevchenkovsky", atingindo um edifício residencial, referiu Vitali Klitschko, acrescentando que três pessoas ficaram feridas e foram hospitalizadas.

A Rússia lançou em 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou mais de dois mil civis, segundo dados da ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.

Leia Também: Kyiv vê ataques com Guterres em visita como "ato hediondo de barbárie"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório