Meteorologia

  • 28 MAIO 2022
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 26º

Capitólio. Dez membros de grupo de extrema-direita declaram-se inocentes

O departamento de Justiça norte-americano divulgou as acusações, incluindo de conspiração sediciosa, contra os Oath Keepers, no início de janeiro de 2021.

Capitólio. Dez membros de grupo de extrema-direita declaram-se inocentes
Notícias ao Minuto

19:28 - 25/01/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Capitólio

Dez membros de um dos principais grupos de extrema-direita dos Estados Unidos, os Oath Keepers, incluindo o líder Stewart Rhodes, declararam-se inocentes, esta terça-feira, das novas acusações, incluindo conspiração sediciosa, de que foram alvo, relacionadas com o ataque de 6 de janeiro de 2021 ao Capitólio.

O departamento de Justiça norte-americano tinha divulgado a acusação no início de janeiro de 2021. Um dos acusados, Edward Vallejo, não esteve presente na audiência, refere a CNN.

A acusação alega que o grupo de extrema-direita recrutou membros, reuniu armas e organizou-se para perturbar a confirmação das eleições de 2020, pelo Congresso, numa tentativa de manter o então presidente Donald Trump no poder.

Os membros acusados ​​de conspiração contra o Estado são: Stewart Rhodes, Kelly Meggs, Kenneth Harrelson, Jessica Watkins, Joshua James, Roberto Minuta, Joseph Hackett, David Moerschel, Brian Ulrich, Thomas Caldwell e Edward Vallejo. Todos estes devem ser julgados em julho.

Segundo a CNN, Stewart Rhodes disse aos seus seguidores, através da aplicação Signal, a 5 de novembro de 2020, que "não vamos passar por isto sem guerra civil. Tarde demais para isso. Preparem a mente, corpo e espírito".

Em dezembro, Stewart Rhodes advertiu novamente o grupo de que "não há uma saída política ou legal para isto".

Segundo a acusação, os Oath Keepers de todo o país planearam o ataque ao Capitólio a 6 de janeiro. Em tribunal, Thomas Caldwell afirmou ter feito uma viagem de reconhecimento a Washington D.C. antes de 6 de janeiro.

Outros membros admitiram que esconderam armas num hotel em Virgínia antes do ataque.

Leia Também: Influencer apoiante de Trump condenado por promover invasão ao Capitólio

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

Campo obrigatório