Meteorologia

  • 23 MAIO 2022
Tempo
17º
MIN 15º MÁX 22º

Irão vai recuperar direito de voto na ONU após desbloqueio de fundos

O Irão deverá recuperar o direito de voto na ONU, perdido em 11 de janeiro por dívidas às Nações Unidas, após desbloquear hoje 18 milhões de dólares para uma conta da ONU em Seul, segundo fontes da organização.

Irão vai recuperar direito de voto na ONU após desbloqueio de fundos
Notícias ao Minuto

23:55 - 21/01/22 por Lusa

Mundo Irão

"O dinheiro é esperado domingo ou segunda-feira", disse uma das fontes à agência noticiosa francesa AFP, falando sob condição de anonimato.

O artigo 19.º da Carta das Nações Unidas prevê a suspensão do direito de voto na Assembleia Geral de qualquer país cujo montante em atraso seja igual ou superior à contribuição por ele devida nos últimos dois anos completos.

Em 11 de janeiro, o secretário-geral da ONU, António Guterres, anunciou que o Irão teria que pagar 18,4 milhões de dólares (16 milhões de euros) para recuperar o seu direito de voto.

No ano passado, o Irão já havia perdido o direito de voto por falta de pagamento.

Teerão alegou que não poderia honrar o mínimo exigido para as suas dívidas à ONU por causa das sanções económicas e financeiras impostas pelos Estados Unidos.

Após vários meses de negociações, Teerão conseguiu em junho usar fundos bloqueados na Coreia do Sul para pagar as dívidas mínimas exigidas e recuperar o direito de voto, pouco antes da eleição de novos membros para o Conselho de Segurança da ONU.

No início de janeiro, o Ministério dos Negócios Estrangeiros iraniano disse que o país estava "determinado a pagar as suas dívidas integralmente e no prazo".

"Infelizmente, pelo segundo ano consecutivo, devido às sanções opressivas e ilegais dos EUA, os pagamentos do nosso país estão a atravessar dificuldades", acrescentou, pedindo à ONU que encontrasse rapidamente uma solução.

Leia Também: Nuclear. Irão negoceia com Rússia extensão de central em Bushehr

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório