Meteorologia

  • 23 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 22º

Covid. Hong Kong pede a habitantes que parem de adotar hamsters a abater

As autoridades acusaram os novos donos de hamsters de terem uma atitude "irresponsável".

Covid. Hong Kong pede a habitantes que parem de adotar hamsters a abater

Os cidadãos e as autoridades de Hong Kong, na China, estão num impasse por causa da população de hamsters da cidade. As autoridades de Saúde ordenaram o abate de cerca de 2.000 destes roedores, depois de terem sido identificados surtos de Covid-19 em lojas de animais, mas as pessoas, para impedirem a morte dos bichos, estão a adotá-los.

Na terça-feira, quando a decisão foi tomada, onze hamsters já tinham testado positivo para o vírus.

O Departamento de Agricultura, Pescas e Conservação (AFCD) de Hong Kong disse, num duro comunicado, que a atitude protetora das pessoas é "irresponsável".

"O AFCD condena esta ações e reitera que isto é um obstáculo ao trabalho do Departamento, além de colocar sérios riscos de saúde para os trabalhadores e o povo. O AFCD exige que as pessoas parem com estas ações imediatamente e entreguem os hamsters adotados", afirmaram as autoridades.

Os hamsters comprados ou adotados antes do dia 22 de dezembro podem ficar com os novos donos.

Apesar de vários estudos científicos terem demonstrado que animais infetados não têm um impacto significativo na propagação do vírus, o governo de Hong Kong não quer correr riscos e adota por uma política de eliminação do vírus perante o mais pequeno crescimento de casos.

A cidade fechou escolas e ginásios, os restaurantes têm de fechar às 18h00 e o tráfego aéreo foi muito limitado. 

Este não é o maior incidente relacionado com o abate de animais infetados. Em novembro, a primeira-ministra da Dinamarca foi muito criticada, depois de terem sido abatidos 17 milhões de visons. Na altura, foram identificados animais doentes em 200 quintas e alguns casos de transmissão de animais para humanos fizeram o governo tomar a decisão de abater os mamíferos.

Leia Também: Macau testa hamsters, após Hong Kong anunciar abate de 2.000 animais

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório