Meteorologia

  • 17 MAIO 2022
Tempo
24º
MIN 16º MÁX 25º

Assembleia-Geral da ONU adota resolução contra negação do Holocausto

A Assembleia-Geral da ONU adotou hoje por maioria uma resolução não-vinculativa proposta por Israel apelando a todos os Estados para lutarem contra a negação do Holocausto e o antissemitismo, inclusive nas redes sociais.

Assembleia-Geral da ONU adota resolução contra negação do Holocausto
Notícias ao Minuto

18:26 - 20/01/22 por Lusa

Mundo ONU

De forte significado político mesmo sem ser juridicamente vinculativo, o texto, redigido com a colaboração da Alemanha, foi copatrocinado por 114 dos 193 Estados-membros das Nações Unidas.

O Irão expressou formalmente a sua oposição ao texto, afirmando dele "se dissociar".

A resolução "rejeita e condena sem reservas qualquer negação, total ou parcial, da historicidade do Holocausto", que consistiu, entre 1939 e 1945, no genocídio de seis milhões de judeus da Europa pelos nazis e seus apoiantes.

O texto "insta fortemente todos os Estados-membros a rejeitarem sem reservas qualquer negação ou distorção do Holocausto enquanto acontecimento histórico" e "saúda" os países que preservam "os lugares que funcionaram como campos da morte, campos de concentração, campos de trabalhos forçados, locais de execução e como prisões nazis durante o Holocausto".

A resolução exorta também os membros da ONU a "elaborarem programas educativos que incutam no espírito das gerações futuras as lições do Holocausto, para ajudar a impedir atos de genocídio", e pede-lhes, bem como às empresas gestoras de redes sociais, "que tomem medidas ativas para combater o antissemitismo e a negação ou a distorção do Holocausto".

Num comunicado, o embaixador de Israel na ONU, Gilad Erdan, saudou antecipadamente uma "resolução histórica", negociada durante vários meses e que é a "segunda iniciada por Israel [sobre esta matéria] a ser aprovada pela Assembleia-Geral".

A primeira, em 2005, instaurou o dia 27 de janeiro como Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto.

O documento hoje aprovado "dá pela primeira vez uma clara definição da negação do Holocausto", "apela aos países para tomarem medidas de combate ao antissemitismo" e pede aos gigantes da internet (Facebook, Twitter, Instagram, etc.) que se empenhem na luta contra discursos de ódio nas redes sociais, refere o comunicado israelita.

Na sessão em que o texto foi adotado, a embaixadora norte-americana na ONU, Linda Thomas-Greenfield, começou por saudar a presença na sala de sobreviventes do Holocausto "para assistirem a este dia histórico", frisando que "os Estados Unidos se sentiram orgulhosos por copatrocinar esta resolução para combater o flagelo da negação do Holocausto".

"Temos de erradicar o ódio antissemita e as falsas narrativas que com ele andam de mão dada -- nas nossas comunidades, nos nossos países e nas nossas instituições", defendeu.

"É por isso que é tão importante que permanentemente recordemos e nos expressemos contra o ódio que desencadeou o Holocausto. É nosso dever sagrado honrar a memória dos milhões de judeus e outras vítimas que nele pereceram, assegurando-nos de que continuamos a dizer uma e outra vez 'nunca mais, nunca mais'", sustentou a diplomata norte-americana.

Segundo Linda Thomas-Greenfield, esta resolução reafirma o compromisso dos Estados-membros de "instruir a próxima geração como forma de impedir a repetição das terríveis atrocidades do passado" e também reafirma "valores e princípios fundamentais à criação das Nações Unidas, uma instituição construída no rescaldo do Holocausto e da Segunda Guerra Mundial".

"Manter o compromisso de 'Nunca Mais' é a nossa missão", frisou a embaixadora dos Estados Unidos na ONU.

Leia Também: Assinado acordo para dar acesso a medicamento a 105 países pobres

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório