Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2022
Tempo
22º
MIN 22º MÁX 37º

Rússia impõe a estrangeiros controlo médico e de impressões digitais

Os estrangeiros que pretendam estar mais de 90 dias na Rússia, incluindo jornalistas, vão ter que fazer um exame de impressões digitais e análises médicas uma vez por ano, segundo determina uma lei que entrou hoje em vigor.

Rússia impõe a estrangeiros controlo médico e de impressões digitais
Notícias ao Minuto

14:01 - 29/12/21 por Lusa

Mundo Rússia

A lei, aprovada em julho de 2021, prevê que qualquer estrangeiro que chegue à Rússia para uma permanência superior a 90 dias ou com um visto de trabalho deve fazer exames médicos para descartar doenças infecciosas como covid-19, tuberculose, VIH (vírus da imunodeficiência humana) ou sífilis.

Os testes devem ser efetuados nos primeiros 30 dias após a entrada na Rússia e em centros médicos aprovados para o efeito pelas autoridades locais.

A norma tem sido criticada por algumas embaixadas estrangeiras, como a dos Estados Unidos da América (EUA).

O porta-voz da embaixada dos EUA, Jason Rebholz, disse que a "lei xenófoba" que está a ser implementada pelo Governo russo procura tornar "mais difícil aos estrangeiros viverem no país".

Estão excluídos da obrigação dos testes as crianças até aos seis anos de idade, pessoas com passaporte diplomático, técnicos ou administrativos de organismos militares e escritórios comerciais e "outras representações de organismos estatais de países estrangeiros".

Os cidadãos bielorrussos também não têm de se submeter aos controlos.

Leia Também: Rússia fecha mais uma organização de direitos humanos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório