Meteorologia

  • 17 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 15º

Edição

Omicron já está nos Estados Unidos? Fauci "não ficaria surpreendido"

Centro de Prevenção e Controlo de Doenças (CDC), asseverou que, até ao momento, não foi detetado qualquer caso da nova variante no país.

Omicron já está nos Estados Unidos? Fauci "não ficaria surpreendido"

A variante B.1.1.529, denominada Omicron, que foi detetada inicialmente na África do Sul, está a 'espalhar-se' pelo mundo, tendo já chegado à Europa - com casos na Bélgica e no Reino Unido. Anthony Fauci, o principal conselheiro em epidemiologia da Casa Branca, revelou, este sábado, que "não ficaria surpreendido" se esta também já se encontrasse nos Estados Unidos. 

Em declarações à NBC News, o especialista garantiu que a Omicron "ainda não foi detetada" no país, mas que quando "existe um vírus que está a apresentar um grau de transmissibilidade e [que] já tem casos relacionados com viagens", "quase invariavelmente vai acabar por aparecer por toda a parte"

E acrescentou: "A sua capacidade de infetar as pessoas que se recuperaram da infeção e até mesmo quem foi vacinado faz-nos dizer que [a variante] é algo a que temos de prestar muita atenção e estar preparados". "Pode não se verificar, mas queremos estar à frente" da possibilidade. 

Recorde-se que, esta sexta-feira, o Centro de Prevenção e Controlo de Doenças (CDC, na sigla em inglês), asseverou que, até ao momento, não foi detetado qualquer caso da variante Omicron nos Estados Unidos.

"O CDC está a monitorizar constantemente variantes e o sistema de vigilância de variantes dos Estados Unidos detetou de forma fiável novas variantes neste país. Se surgir nos Estados Unidos, esperamos identificar a Omicron rapidamente", fez notar a agência do Departamento de Saúde e de Serviços Humanos em comunicado.

Também ontem, os Estados Unidos impuseram restrições às viagens de cidadãos norte-americanos com proveniência da África do Sul, de Moçambique, Botswana, Lesoto, Namíbia, Maláui, Zimbabué e Eswatini devido ao surgimento desta nova estirpe do coronavírus.

Leia Também: Regulador dos EUA afirma que comprimido anti-covid-19 da Merck é eficaz

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório