Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Fingia ser o irmão dermatologista para violar e agredir sexualmente

Assistente médico colocado sob supervisão judicial após denúncias de dois pacientes.

Fingia ser o irmão dermatologista para violar e agredir sexualmente

Um assistente médico fazia-se passar pelo irmão dermatologista para poder ter contacto com pacientes em Besançon, França, de acordo com o Le Parisien.

O homem foi colocado sob vigilância judicial esta quinta-feira após duas pacientes o terem acusado de violação e agressão sexual. As pacientes em causa julgavam estar a ser atendidas pelo irmão do assistente médico, que é mesmo médico da especialidade. 

O suspeito levou a cabo depilação a laser no consultório do irmão enquanto este estava fora.

Dois pacientes apresentaram queixa em outubro e uma investigação foi aberta. O verdadeiro médico dermatologista foi detido no início da investigação mas acabou por ser rapidamente exonerado e as suspeitas recaírem sobre o irmão, assistente médico. 

Leia Também: Eurodeputado sueco condenado por agressão sexual

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório