Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 7º MÁX 14º

Edição

Justiça belga ouve 24 acusados da morte de vietnamitas fechados em camião

Vinte e quatro pessoas são ouvidas nos dias 15 e 16 de dezembro em Bruges, onde decorre a investigação judicial belga sobre a descoberta, em 2019, de 39 migrantes vietnamitas mortos num camião, em Inglaterra, anunciou hoje a Justiça belga.

Justiça belga ouve 24 acusados da morte de vietnamitas fechados em camião
Notícias ao Minuto

14:30 - 27/10/21 por Lusa

Mundo Dezembro

Uma das 24 pessoas que estarão no tribunal é um vietnamita de 45 anos que é acusado de ser o "líder de uma organização criminosa", o que lhe pode valer uma sentença de até 15 anos de prisão. O homem nega ter tido qualquer envolvimento nas mortes.

A maioria dos 24 réus são vietnamitas ou belgas de origem vietnamita. Seis têm nacionalidade marroquina e um deles é da ex-Jugoslávia.

Todos foram acusados de "participar nas atividades de uma organização criminosa" ligada ao tráfico de pessoas, com o objetivo de levar imigrantes para Inglaterra.

Segundo a acusação, este tráfico, organizado a partir da Bélgica, tinha ligações a França, Países Baixos e Alemanha e alguns dos acusados continuaram a atividade após a tragédia.

Em 23 de outubro de 2019, os corpos de 39 migrantes vietnamitas - 31 homens e oito mulheres - foram encontrados dentro de um contentor de um camião na área industrial de Grays, no leste de Londres.

As vítimas morreram de asfixia e hipertermia devido ao calor e à falta de oxigénio no espaço fechado do contentor.

O drama chamou a atenção para os riscos da migração clandestina e a total falta de escrúpulos de muitos dos traficantes.

O contentor com os migrantes (incluindo três menores) lá dentro partiu do porto belga de Zeebrugge, o que levou a Justiça belga a abrir um inquérito paralelo aos processos iniciados no Vietname e no Reino Unido.

Como parte dessa investigação, conduzida pelo Ministério Público Federal belga, foi feita uma série de buscas na Bélgica que conduziram, em 26 de maio de 2020, a 13 detenções, todas seguidas de uma acusação. Os outros acusados foram implicados posteriormente.

Além disso, alguns suspeitos detidos em países terceiros ainda não foram entregues à Justiça belga, devendo ser julgados num processo separado, avançou o Ministério Público.

Este caso, que também levou à abertura de uma investigação em França, já resultou em algumas penas impostas pelos tribunais vietnamita e britânico.

No Reino Unido, sete homens foram condenados, em janeiro, a penas que variam entre os três e os 27 anos de prisão.

No Vietname, quatro homens foram condenados, em setembro de 2020, a prisão (com penas entre os dois e meio e os sete anos e meio) e outros três a penas de prisão suspensas.

Em Bruges, após as últimas alegações marcadas para 16 de dezembro, o tribunal começará a deliberar, devendo a decisão ser conhecida algumas semanas depois.

Leia Também: Bélgica repõe algumas restrições devido a aumento acentuado de casos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório