Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 14º

Edição

África com mais 251 mortes e 4.549 novos casos nas últimas 24 horas

África registou mais 251 mortes associadas ao novo coronavírus nas últimas 24 horas, num total de 216.264 desde o início da pandemia, que já infetou 8.450.464 pessoas na região, segundo os dados oficiais hoje divulgados.

África com mais 251 mortes e 4.549 novos casos nas últimas 24 horas
Notícias ao Minuto

11:18 - 21/10/21 por Lusa

Mundo Covid-19

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), nas últimas 24 horas registaram-se mais 4.549 casos de covid-19.

No mesmo período, o número de recuperados foi de 6.402, o que totaliza agora 7.824.863.

A região da África Austral é a região mais afetada do continente, com 3.916.474 casos e 110.798 óbitos associados à covid-19. Nesta região, encontra-se o país mais atingido pela pandemia, a África do Sul, que contabiliza 2.917.846 casos e 88.754 mortes.

O Norte de África, que sucede à África Austral nos números da covid-19, atingiu hoje 2.571.038 infetados e 69.489 mortes associadas à doença.

A África Oriental contabiliza 1.044.088 infeções e 22.479 mortos, e a região da África Ocidental regista 658.450 casos de infeção e 9.859 mortes. A África Central é a que tem menos casos de infeção e de mortes, 260.414 e 3.639 respetivamente.

A Tunísia, o segundo país africano com mais vítimas mortais a seguir à África do Sul, regista 25.121 mortes e 711.164 infetados, seguindo-se o Egito, com 18.105 óbitos e 321.084 casos de infeção, e Marrocos, que contabiliza o segundo maior número de infeções em todo o continente, 942.967 casos, mas menos mortes do que os dois países anteriores, 14.580 óbitos associados à doença.

Entre os países mais afetados estão também a Etiópia, com 6.287 vítimas mortais e 360.503 infeções, a Argélia, com 5.878 óbitos e 205.529 pessoas infetadas e o Quénia, com 5.238 mortes associadas à doença e 252.308 contágios.

Em relação aos países de língua oficial portuguesa, Moçambique contabiliza 1.927 mortes associadas à doença e 151.157 infetados acumulados desde o início da pandemia, seguindo-se Angola (1.682 óbitos e 63.340 casos), Cabo Verde (347 mortes e 38.082 infeções), Guiné Equatorial (163 óbitos e 13.097 casos), Guiné-Bissau (141 mortos e 6.131 infetados) e São Tomé e Príncipe (56 óbitos e 3.613 infeções).

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egito, em 14 de fevereiro de 2020, e a Nigéria foi o primeiro país da África subsaariana a registar casos de infeção, em 28 de fevereiro.

A covid-19 provocou pelo menos 4.910.200 mortes em todo o mundo, entre mais de 241,48 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.

Leia Também: AO MINUTO: Nova vaga atinge mais jovens; Subvariante da Delta cá

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório