Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

Talibãs estarão a proibir barbeiros de cortar e aparar barbas

Talibãs recorrem à lei de Sharia para impor esta regra.

Talibãs estarão a proibir barbeiros de cortar e aparar barbas

Os talibãs estão a proibir os cabeleireiros na província de Helmand, no Afeganistão, de barbear ou aparar a barba dos clientes, dizendo que isso viola a sua interpretação da lei islâmica.

Qualquer pessoa que viole a regra será punida, diz a polícia religiosa talibã.

Segundo sabe a BBC, também alguns barbeiros da capital Cabul receberam ordens semelhantes.

Num aviso afixado em vários salões na província de Helmand, pode ler-se que os cabeleireiros devem seguir a lei da Sharia para cortes de cabelo e barba.

O responsável por um dos maiores salões da cidade disse ter recebido um telefonema de alguém que afirmava ser um funcionário do governo e que o aconselhava a "deixar de seguir os estilos americanos" e a não barbear ou aparar a barba de ninguém.

Desde que tomaram o poder, no mês passado, os talibãs têm levado a cabo duras punições contra os seus opositores. Esta nova regra sugere o regresso às regras rígidas do passado, apesar das promessas de uma forma mais amena de governo.

Leia Também: Talibãs penduraram corpo numa grua na principal praça de Herat

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório