Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2021
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

Parlamento líbio aprova moção de censura contra o Governo

O parlamento líbio votou hoje uma moção de censura contra o Governo de transição do primeiro-ministro Abdelhamid Dbeibah, a três meses de um duplo escrutínio crucial destinado a pôr termo a uma década de caos no país do norte de África.

Parlamento líbio aprova moção de censura contra o Governo
Notícias ao Minuto

14:24 - 21/09/21 por Lusa

Mundo Líbia

A moção foi votada por 89 dos 113 deputados presentes, precisou o porta-voz do parlamento sediado em Tobrouk (leste), menos de duas semanas após a ratificação de uma controversa lei eleitoral que originou o regresso das tensões entre as duas principais fações políticas rivais no país.

O voto decorreu durante uma sessão à porta fechada na presença do presidente do parlamento, Aguila Saleh, um "cacique" do leste líbio e aliado do marechal Khalifa Haftar, o homem forte desta região da Cirenaica.

O Alto conselho de Estado líbio (HCE), uma instância com sede em Tripoli e que assume a função do Senado, reagiu de imediato ao declarar a "rejeição do procedimento" e considerar a iniciativa como "nula" e "em violação da Declaração constitucional e do acordo político" de 2015.

A Líbia tenta ultrapassar uma década de violências após a queda do regime de Muammar Khadafi em 2011, um caos assinalado nos últimos anos pela emergência de dois poderes rivais no leste e no oeste do país.

Após o fim dos combates no verão de 2020 foi formado um março passado um Governo unificado e transitório dirigido pelo empresário Abdelhamid Dbeibah, sob a égide da ONU, para conduzir a transição até às legislativas e presidenciais previstas para 24 de dezembro.

Leia Também: Líbia ratifica lei controversa relativa às próximas presidenciais

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório