Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2021
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 28º

Edição

Tribunal europeu considera Rússia responsável pela morte de Litvinenko

O antigo agente do KGB foi envenenado em 2006.

Tribunal europeu considera Rússia responsável pela morte de Litvinenko
Notícias ao Minuto

10:21 - 21/09/21 por Notícias ao Minuto 

Mundo Alexander Litvinenko

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos considerou esta terça-feira que a Rússia foi responsável pela morte do antigo agente do KGB, Alexander Litvinenko, adianta a Reuters. 

Litvinenko morreu em 2006, quando estava em Londres, após ser envenenado com polónio 210, uma substância altamente radioativa. 

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos afirmou que existe uma forte presunção de que Litvinenko foi assassinado por indivíduos que "agiam como agentes do estado russo". 

Acrescentou ainda que o governo russo "não conseguiu fornecer qualquer explicação convincente e satisfatória dos eventos", nem conduziu "uma investigação doméstica efetiva" para identificar e responsabilizar os autores do crime. 

Alexander Litvinenko trabalhou para os serviços de segurança soviéticos e russos antes de desertar e rumar ao Reino Unido, onde lhe foi concedido asilo em 2001. 

Uma investigação das autoridades britânicas concluiu que o homicídio por envenenamento do antigo espião em 2006 foi levado a cabo por Andrey Lugovoy e Dmitriy Kovtun. 

[Notícia atualizada às 10h34]

Leia Também: Putin classifica tiroteio em universidade como "grande desgraça"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório