Meteorologia

  • 27 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 26º

Edição

Primeira-ministra conservadora norueguesa assume derrota nas legislativas

A primeira-ministra conservadora norueguesa, Erna Solberg, admitiu na noite de segunda-feira a derrota nas eleições legislativas, que foram ganhas pela oposição centro-esquerda.

Primeira-ministra conservadora norueguesa assume derrota nas legislativas
Notícias ao Minuto

07:04 - 14/09/21 por Lusa

Mundo Noruega

A oposição centro-esquerda alcançou "uma vitória retumbante" nas eleições legislativas da Noruega, que permite recuperar o poder ao Partido Trabalhista oito anos depois e governar com a sua fórmula preferida, noticia a agência espanhola Efe.

Com 88% dos votos escrutinados, a oposição obteve mais de 55% dos votos, contra apenas 40% do bloco de direita da primeira-ministra conservadora, Erna Solberg, que governava desde 2013, confirmando o que as sondagens tinham anunciado há meses.

O Partido Trabalhista, liderado por Jonas Gahr Store, manteve a sua condição de força mais votada, que ocupa desde 1924, mas com 26,2% e 48 lugares, pouco menos de um ponto percentual em relação às eleições anteriores de 2017 e menos um lugar, o pior resultado em oito décadas.

A ascensão do Partido Centrista, o que mais cresceu nas eleições, e do Partido de Esquerda Socialista permitirão, no entanto, ao Partido Trabalhista somar uma confortável maioria de 88 deputados, mais três do que os necessários, com estas formações e não depender assim do Rojo, uma amálgama de forças comunistas e socialistas, e dos Verdes, escreve a Efe.

Leia Também: Oposição de Esquerda vence as legislativas na Noruega

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório