Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 14º

Edição

Lusodescendente morto no Canadá ao tentar salvar colegas de trabalho

Floreano Lopes foi assassinado a tiro.

Lusodescendente morto no Canadá ao tentar salvar colegas de trabalho

Um lusodescendente foi assassinado em Toronto, no Canadá, na semana passada, durante um tiroteio, revelou um amigo da família aos meios de comunicação social locais.

De acordo com o site Daily Comercial News, Floreano Lopes, de 42 anos, “morreu como um herói” ao tentar salvar os colegas de uma empresa de construção civil, depois de uma carrinha pick up preta ter entrado a alta velocidade na Steeles Avenue, onde uma equipa de pavimentação da Ferpac Paving trabalhava.

Além de ter atropelado um dos trabalhadores, o veículo parou e começou aos tiros, atingindo Floreano que colocou-se em frente aos oito outros operários que estavam no local.

O lusodesdente ainda foi transportado para o hospital, mas acabou por não resistir aos ferimentos.

Pouco depois do tiroteio, as autoridades detiveram Jonathon Kozuch, de 37 anos, o alegado autor dos crimes. Até ao momento, ainda não foram reveladas as razões que levaram o homem a cometer tais delitos.

Entretanto, amigos da família criaram uma página no site GoFundMe para ajudar a mulher do lusodescendente assim como os filhos. Até ao momento foram angariados 35 mil dólares, cerca de 30 mil euros.

Floreano, filho de portugueses, casado e pai de três filhos, trabalhava na construção civil desde que saiu da escola. Nasceu e sempre morou em Toronto onde chegou a jogar hóquei, uma das suas grandes paixões. Durante as cerimónias fúnebres os amigos descreveram-no como um homem com o “coração enorme”, “corajoso” e “muito trabalhador”, que “vivia para a família”.

Leia Também: Português morre eletrocutado durante furacão Ida nos EUA

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório