Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 25º

Edição

Brasil. Seguradoras exigem aval do marido para a mulher colocar DIU

Jornal brasileiro confirmou a exigência de consentimento do marido para a colocação do método contracetivo em três seguradoras.

Brasil. Seguradoras exigem aval do marido para a mulher colocar DIU
Notícias ao Minuto

16:20 - 04/08/21 por Notícias ao Minuto 

Mundo Dispositivo Intrauterino

Algumas seguradoras brasileiras exigem o consentimento do marido para que uma mulher casada possa colocar um dispositivo intrauterino (DIU), um método contracetivo, noticiou a a Folha de São Paulo.

O jornal especifica os casos de duas segurados de Minas Gerais, a Unimed João Monlevade e a Divinópolis, e uma do interior de São Paulo, a Ourinhos. No total, estes planos de saúde cobrem mais de 50 municípios nos dois estados.

A Folha de S. Paulo fez a tentativa de marcar o procedimento, sem se identificar, e as três seguradoras confirmaram aquilo que consta nos Termos de Consentimento para inserção do contracetivo: é preciso o consentimento do conjugue, se a mulher for casada.

No seguimento da reportagem, as seguradoras Divinópolis e Ourinhos informaram que abandonaram o requerimento. A Unimed João Monlevade nega exigir esse consentimento, mesmo depois de ter sido confirmado ao jornal pelo serviço de atendimento. A seguradora explica que recomenda que o termo de responsabilidade seja partilhado e que é por isso que tem espaço para assinatura da paciente e do marido.

O DIU, sublinhe-se, é um método contracetivo de longa duração que consiste na introdução de um aparelho no útero e tem que ser feito por um médico especializado.

Leia Também: Portugal analisa com Brasil possível alívio de restrições às viagens

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório