Meteorologia

  • 17 SETEMBRO 2021
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Chuvas no Níger provocaram morte de 35 pessoas e fizeram 26.500 vítimas

As fortes chuvas que têm caído no Níger desde junho provocaram a morte de 35 pessoas e fizeram mais de 26.500 vítimas, disseram hoje as autoridades deste país do Sahel, cujo clima é habitualmente muito seco.

Chuvas no Níger provocaram morte de 35 pessoas e fizeram 26.500 vítimas
Notícias ao Minuto

19:10 - 31/07/21 por Lusa

Mundo Níger

De acordo com um balanço hoje divulgado pela Proteção Civil do país, 20 pessoas morreram em consequência da queda das suas casas, 15 por afogamento e 24 ficaram feridas, tendo sido registadas 26.532 pessoas afetadas pelo mau tempo.

As regiões mais afetadas são as de Maradi, no sudeste do país, onde foram contabilizados 10 mortos, Agadez, no norte do deserto, também com 10 mortos, e a capital, Niamey, onde se registaram oito mortos, de acordo com dados oficiais.

Os danos materiais também são importantes, com mais de 2.500 casas e cabanas destruídas, além de cerca de 50 salas de aula, mesquitas, lojas e celeiros danificados. A juntar a isto foram ainda relatada a morte de 708 cabeças de gado.

Apesar de a estação chuvosa ser de curta duração - até três meses -- e de, habitualmente, não registar muita precipitação, a época tem provocado muitas perdas nos últimos anos, incluindo nas áreas desérticas do norte do país.

Em 2020, as inundações causaram a morte de 73 pessoas e criaram uma crise humanitária, com 2,2 milhões de pessoas a precisar de ajuda, de acordo com as Nações Unidas.

No ano anterior, em 2019, as chuvas foram responsáveis pela morte de 57 pessoas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório