Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2021
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

De regresso a Espanha, ONG Open Arms assiste mais 21 migrantes

Navio estava a terminar uma missão de onze dias no Mediterrâneo central, quando se deparou com mais duas embarcações precárias à deriva.

De regresso a Espanha, ONG Open Arms assiste mais 21 migrantes

O navio Astral, da ONG espanhola Open Arms, assistiu 21 pessoas e esteve com elas até serem resgatadas pela Guarda Costeira italiana, esta madrugada, durante o regresso a Espanha, depois de uma missão de 11 dias no Mediterrâneo central.

Os assistidos estavam divididos em duas embarcações precárias à deriva, com as quais o navio se cruzou a sul da Sardenha, no regresso da missão.

“Nem no regresso a casa o Mediterrâneo nos deixa", escreveu o fundador da organização, Òscar Camps, nas redes sociais, adiantando que a missão realizou 14 intervenções e resgatou 374 migrantes.

Durante 11 dias, o navio percorreu mais de 1.600 quilómetros, auxiliando vários navios em perigo e atendendo a centenas de pessoas, incluindo várias mulheres grávidas, crianças e um bebé.

A primeira intervenção foi entre sábado e domingo da semana passada, no apoio a sete barcos em dificuldades, que navegavam há mais de 24 horas com mais de 200 pessoas.

Posteriormente, na última quinta-feira, a cerca de 20 milhas da costa da ilha italiana de Lampedusa, a ONG auxiliou outros seis barcos, nos quais viajavam mais de 170 pessoas, muitas delas menores.

Leia Também: Denunciadas "condições chocantes" para migrantes do canal da Mancha

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório