Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 23º

Edição

Bispo de Pemba alerta para criação de "indústria do sofrimento"

O bispo António Juliasse Sandramo, administrador da diocese de Pemba, norte de Moçambique, alertou hoje para o perigo de criação de "uma indústria do sofrimento" que "dissipa" a ajuda humanitária, apelando para a canalização da ajuda aos necessitados.

Bispo de Pemba alerta para criação de "indústria do sofrimento"

"Quando há situações de sofrimento, pode ser criada uma indústria do sofrimento, que se aproveita do sofrimento do povo", afirmou Sandramo.

A indústria do sofrimento, prosseguiu, pode ser montada por organizações de apoio humanitário, através da instalação de estruturas de funcionamento pesadas e que pagam salários elevados aos seus trabalhadores.

Estas entidades podem canalizar mais recursos para a sua máquina do que para as populações em situação de necessidade, sustentou aquele bispo.

O administrador da diocese de Pemba avançou que a prioridade deve ser o apoio às vítimas da violência armada em Cabo Delgado, cuja capital é Pemba.

Por outro lado, a disponibilidade de bens para a ajuda humanitária também pode atrair a tentação de desvios, num país com níveis de corrupção endémicos, acrescentou.

"Este risco [de desvio de ajuda humanitária] existe, com os níveis que nós temos de corrupção em Moçambique, isso nos leva a que o risco se torne maior", afirmou.

Sandramo assinalou que o país deve trabalhar para que "as ajudas que são anunciadas em nome dos deslocados de Cabo Delgado sejam verdadeiramente orientadas para minorar o sofrimento deste povo e nada mas do que isso".

Grupos armados aterrorizam a província de Cabo Delgado desde 2017, sendo alguns ataques reclamados pelo grupo Estado Islâmico. Há mais de 2.800 mortes, segundo o projeto de registo de conflitos ACLED, e 732.000 deslocados, de acordo com as Nações Unidas.

Leia Também: Bispo de Pemba pede às forças estrangeiras respeito por direitos humanos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório