Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2021
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Soldado rebelde liberiano Alieu Kosiah condenado a 20 anos de prisão

O Tribunal Penal Federal suíço condenou hoje o soldado rebelde liberiano Alieu Kosiah a 20 anos de prisão por crimes cometidos durante a primeira guerra civil da Libéria (1989-1996), informou hoje a estação de televisão suíça RTS.

Soldado rebelde liberiano Alieu Kosiah condenado a 20 anos de prisão
Notícias ao Minuto

16:59 - 18/06/21 por Lusa

Mundo Justiça

Kosiah, 46 anos, foi acusado de 25 crimes, incluindo assassínio de civis, violação, recrutamento de crianças soldados e canibalismo, e foi absolvido de apenas quatro deles.

Este é o primeiro julgamento de um criminoso de guerra pelo tribunal federal suíço em Bellinzona.

O líder guerrilheiro era membro do Movimento de Libertação Unida da Libéria para a Democracia (ULIMO), que foi formado nos anos 90 para combater o exército do governo de Charles Taylor.

Kosiah residiu permanentemente na Suíça, onde foi preso em 2014, e foi processado por alterações legais adotadas no país suíço que desde 2011 permitem que crimes graves cometidos em qualquer parte do mundo sejam julgados, de acordo com o princípio da justiça universal.

Leia Também: Tribunal emite mandado de detenção para António Joaquim

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório