Meteorologia

  • 17 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa turcos visitam Tripoli

Uma delegação turca de alto nível, liderada pelos ministros dos Negócios Estrangeiros, Mevlut Cavusoglu, e da Defesa, Hulusi Akar, viajou hoje para Tripoli para fortalecer a colaboração com o novo governo de unidade da Líbia, anunciaram fontes oficiais.

Ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa turcos visitam Tripoli
Notícias ao Minuto

15:46 - 03/05/21 por Lusa

Mundo Líbia

As mesmas fontes, que não quiseram ser identificadas, disseram à agência noticiosa espanhola EFE que a delegação inclui o chefe dos serviços secretos turcos, Hakan Fidan, e o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, Yasar Guler.

Adiantaram que serão discutidas questões como a da presença de tropas turcas na Líbia, a situação de milhares de mercenários sírios que a Turquia levou para território líbio, para as frentes de Tripoli e Sirte, assim como a formação do novo Governo e o fornecimento de armas.

A visita da delegação turca ocorre apenas 25 horas depois de o marechal Khalifa Haftar, o homem forte do Leste, ter recebido em Ar Rajmah o enviado especial da ONU para a Líbia, Jan Kubis, e Musa Koni, um dos vice-presidentes do Conselho Presidencial transitório líbio, eleito em fevereiro.

Segundo Koni, a reunião centrou-se nos esforços para a unificação da Líbia e nas ameaças em termos de segurança, em particular na fronteira sul e na guerra no norte do Chade.

Segundo a EFE, Kubis também esteve reunido em Tripoli com o presidente do Conselho de Estado (órgão consultivo), Khaled Al-Mishri, com quem analisou os esforços de reconciliação, o cessar-fogo e a reabertura de vias de comunicação, marítimas, terrestres e aéreas, entre o leste e o oeste do país.

A Líbia mergulhou no caos com a queda da ditadura de Muammar Khadafi em 2011, mas após anos de impasse no país dividido em dois campos, foram conseguidos progressos políticos "tangíveis" nos últimos meses.

Em fevereiro, no âmbito do processo de paz mediado pela ONU, foi designado Abdel Hamid Dbeibah para primeiro-ministro do Governo de unidade, que deve gerir o país até à realização de eleições em dezembro.

Leia Também: Covid-19: Primeiras vacinas chegaram hoje à população da capital líbia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório