Meteorologia

  • 17 ABRIL 2021
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 23º

Edição

Noruega adia reboque de cargueiro holandês devido ao mau tempo

As autoridades marítimas norueguesas adiaram hoje para quinta-feira as tentativas de reboque de um cargueiro holandês que está à deriva há dois dias no Mar da Noruega, devido às más condições meteorológicas, foi anunciado.

Noruega adia reboque de cargueiro holandês devido ao mau tempo
Notícias ao Minuto

15:06 - 07/04/21 por Lusa

Mundo Noruega

Inicialmente, as operações para rebocar o cargueiro Eemslift Hendrika deveriam ocorrer na manhã de hoje, mas a operação foi transferida para o período da tarde.

As autoridades anunciaram, posteriormente, que as operações seriam adiadas para a manhã de quinta-feira devido ao mau tempo.

"Uma melhoria no tempo foi anunciada para quinta-feira e há uma oportunidade maior de que a operação seja bem-sucedida", disse a Administração Costeira da Noruega (Kystverket) no seu portal na Internet.

Entre a noite de terça-feira e hoje, dois rebocadores noruegueses juntaram-se a um navio da guarda costeira na área onde está localizado o cargueiro.

Quatro funcionários da empresa holandesa Smit Salvage, contratada para resgatar o navio, serão transportados de helicóptero para instalar cabos no Eemslift Hendrika.

"A segurança física do pessoal é sempre a principal prioridade em situações como esta e o resgate deve ser feito em total segurança", disse Hans-Petter Mortensholm, funcionário da Kystverket.

O cargueiro Eemslift Hendrika lançou um pedido de socorro no final da manhã de segunda-feira, após uma forte tempestade ter provocado a deslocação da carga que transportava.

O navio transportava várias embarcações menores entre Bremerhaven, na Alemanha, e Kolvereid, na Noruega.

Os doze tripulantes foram retirados em duas etapas, na segunda-feira, pelos serviços de resgate noruegueses. Os oito primeiros foram içados do convés do cargueiro enquanto os quatro últimos tiveram de saltar para a água. Um dos tripulantes ficou ferido.

De acordo com a Kystverket, a trajetória que tomou o navio torna improvável que este encalhe na costa norueguesa.

Na manhã de hoje, o cargueiro estava entre 22 e 28 quilómetros de Stad, península do oeste do país nórdico, considerado o ponto de demarcação entre o Mar da Noruega e o Mar do Norte.

Embora mais baixas do que na véspera, as ondas ainda atingiam entre seis e oito metros de altura.

A empresa que opera o navio também recorreu à companhia holandesa de resgate Smit Salvage, que foi contratada para resgatar o cargueiro Ever Given no Canal de Suez na semana passada.

Leia Também: Cargueiro holandês está à deriva no Mar da Noruega

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório